25/11/2019 às 21h43min - Atualizada em 25/11/2019 às 21h43min

Mulher que matou esposo a facadas em Jataí se apresenta na delegacia

Plantão JTI
ARAGUAIA NOTÍCIA


Na tarde de quinta-feira (21/11), Juliana Dias Assis, 36 anos, acusada de matar com um golpe de faca o seu esposo Albion Pereira Dias no dia 17 de novembro, apresentou-se a Delegacia da Polícia Civil de Jataí, acompanhada de um advogado.

Em entrevista a TV Sucesso, o Delegado Aguinaldo Coelho da 14ª DRPC, relatou que Juliana disse durante o interrogatório que no dia do crime ela e o seu esposo tiveram uma discussão,  já que ela queria sair de casa para buscar sua filha e ele não queria permitir. Durante a briga ele se apossou de uma cadeira e ficou na frente da porta e tentou agredi-la, foi quando ela se apossou da faca e desferiu um golpe em seu peito; esta é a versão  da autora do crime.

O Delegado disse que como no local só estava o casal, é precipitado tirar qualquer conclusão da forma que se deu o assassinato, por isso as investigações ainda estão em andamento. Possivelmente nos próximos dias será feito uma reconstituição simulada a fim de verificar a dinâmica de como aconteceu o crime.



Devido ao fato de ter saído do flagrante e ter se apresentado espontaneamente a Polícia, Juliana Dias Assis não foi presa e responde ao crime em liberdade.  Mas segundo o Delegado Aguinaldo Coelho nada impede que durante a investigação a Polícia conclua que aja necessidade de pedir a prisão da acusada, mas isso vai depender da evolução das investigações.

No primeiro momento a acusada vai responder por homicídio simples que tem uma pena de 6 a 20 anos de prisão.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

2.1%
4.2%
20.4%
73.3%