24/11/2019 às 16h31min - Atualizada em 24/11/2019 às 16h31min

Exército de Aragarças comemora 130 anos da Proclamação da República

Araguaia Notícia
Fotos: soldados Lucas e Ezequiel


No mesmo dia aconteceu um evento de despedida de militares no batalhão que atende a região do Araguaia é conhecido como Sentinela do Araguaia
 
O batalhão do Exército, Sentinela do Araguaia, realizou dia 14/11 uma formatura alusiva aos 130 anos da Proclamação da República. A solenidade teve por objetivo valorizar o patriotismo e estimular o sentimento cívico de amor à Pátria.
 
A professora de história, Juliana Bezerra, conta que a Proclamação da República no Brasil ocorreu dia 15 de novembro de 1889 tendo à frente o Marechal Deodoro da Fonseca (1827-1892), que se tornou o primeiro presidente do Brasil.
 
O evento representou o fim da Monarquia Constitucional e o início da Era Republicana, instaurando o regime presidencialista no Brasil. A professora de história resume no seu blog que no final do século XIX, parte da elite estava descontente com o reinado de D. Pedro II (1825-1891).

Os militares sentiam-se desprestigiados desde a Guerra do Paraguai, pediam aumento de salário e mais participação no governo. Vários militares também apoiavam o Positivismo, tanto na sua versão religiosa como filosófica. Já os cafeicultores, após a promulgação das leis em favor da abolição gradual e sem indenização, estavam cada vez mais descontentes.

Os fazendeiros do oeste paulista exigiam mais autonomia e participação política. Em 1888, com a abolição da escravatura no Brasil, os ex-proprietários de escravos se voltam contra D. Pedro II, uma vez que esse fato acarretou o aumento dos custos da produção cafeeira.

Despedida e acolhimento

No mesmo dia 14/11, o batalhão do Exército de Aragarças realizou também uma cerimônia de despedida do terceiro sargento Vinicius Cleonte da Silva, que está indo para outra missão e a recepção dos militares recém-transferidos para o batalhão Sentinela do Araguaia.

Acompanhe fotos das atividades que foram registradas pelos soldados Lucas (formatura da Proclamação da República) e Ezequiel (despedida e acolhimento de novos militares).


Exército Brasileiro, Braço Forte, Mão Amiga!
 
 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.8%
4.7%
19.8%
73.7%