14/11/2019 às 18h05min - Atualizada em 14/11/2019 às 18h05min

Professoras realizam projeto sobre impacto das ações humanas no Meio Ambiente

NX1
ARAGUAIA NOTÍCIA


As professoras Gabriela Almeida Silva, Kelli Carvalho Melo e Luana Nobre Aquino de Lavor, das disciplinas de Biologia, Geografia e Português, respectivamente, estão desenvolvendo um projeto com os alunos de duas turmas do primeiro ano da escola estadual Ministro João Alberto, na cidade de Nova Xavantina em Mato Grosso.

O projeto busca proporcionar diferentes vivências para que o aluno tenha condições de exercitar o pensamento crítico; ampliar as habilidades investigativas e argumentativas; e aprofundar as reflexões a respeito do impacto das ações humanas no meio ambiente. 

O projeto foi desenvolvido em diferentes etapas, de forma a relacionar as três disciplinas. Para a contextualização e problematização inicial do tema a ser estudado, foram analisadas quais ações antrópicas impactam o Rio das Mortes, a partir do conhecimento prévio dos estudantes. 

Para responder a esses questionamentos, foram realizadas aulas de campo nas margens do rio, na estação de tratamento de água e esgoto do município e em propriedades rurais que realizam ações de proteção das áreas de nascentes e córregos. 

Além disso, foi utilizada a metodologia da entrevista qualitativa com alguns representantes da sociedade que estão ligados diretamente ao rio. Os resultados obtidos das observações e entrevistas foram discutidos em sala de aula em forma de seminários, aulas expositivas e dialogadas e vídeos produzidos pelos alunos. 



Segundo a professora Gabriela, o desenvolvimento da autonomia pela busca do conhecimento deve ser uma meta de longo prazo e trabalhada pelo conjunto de profissionais do ambiente escolar. “Se mais professores desenvolvessem projetos capazes de estimular o protagonismo do estudante, bem como a capacidade de apreender através da contextualização e da interdisciplinaridade, provavelmente os resultados de ensino-aprendizagem seriam muito mais satisfatórios”, finalizou.

A organização dos conteúdos de forma interdisciplinar e contextualizada, adaptada à realidade local, é um dos pressupostos da Base Nacional Comum Curricular e dos Parâmetros Curriculares Nacionais para que as aprendizagens essenciais sejam garantidas e para que a formulação de um saber crítico e reflexivo seja alcançada.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

0.9%
3.6%
11.7%
83.8%