07/09/2013 às 10h46min - Atualizada em 07/09/2013 às 10h46min

Desfile militar marca o Sete de Setembro em Barra do Garças

Olhar Direto
Olhar Direto

O desfile comemorativo aos 191 anos da independência do Brasil, em Barra do Garças, começou por volta das 8 horas de sábado (7) na avenida Ministro João Alberto com a participação dos órgãos de segurança, Exército e Aeronáutica que tem bases na divisa de Mato Grosso e Goiás. A solenidade teve início com hasteamento da bandeira do Brasil pelo tenente-coronel do 58° Bimtz do Exército, Emerson Dêni; do estado de Mato Grosso pelo coronel Eddie Metelo e do município pelo prefeito Roberto Farias. O batalhão do Exército conhecido com Sentinela do Araguaia abriu o desfile apresentando novas armas e veículos adquiridos recentemente.

O destacamento da Aeronáutica de Barra do Garças também veio para avenida sob comando do tenente-coronel Hedemilson. Na seqüência, a Polícia Militar (PM) ocupou avenida com desfile do patrulhamento ostensivo e o agrupamento Força Tática.

O Corpo de Bombeiros comandado pelo tenente-coronel Arboes José Jacob trouxe para avenida os bombeiros e viaturas que trabalham no dia-a-dia salvando vidas. A Polícia Civil também marcou presença com agentes civis apresentando as novas viaturas. Um carro de som com a rainha da feira agropecuária Expoleste encerrou o desfile de Sete de Setembro.

“Nós temos valorizar os heróis do passado que conquistar a independência do Brasil de Portugal e continuar nossa luta para que o Brasil continue avançando com políticas públicas de qualidade. E o povo de Barra tem essa compreensão de patriotismo ao render as homenagens ao nosso país”, frisou o prefeito Roberto Farias visivelmente emocionado.

Essa foi a primeira comemoração de Sete de Setembro em que Roberto ocupa o cargo que no passado já foi do pai dele, Wilmar Peres. “É uma emoção diferente prá mim que já estive aqui nessa avenida desde pequeno acompanhando o meu pai que foi prefeito duas vezes e governador de estado e agora tenho a alegria de estar na condição da minha querida Barra do Garças”, completou.

O palanque contou também com a presença do deputado estadual interino Cândido Teles; vereadores Celson Sousa, Odorico Kiko, Geralmino Neto, secretários e servidores públicos. Em função da proximidade das datas, o desfile de Sete de Setembro sempre foi mais enxuto e o desfile principal ficará para o dia 15 de Setembro quando Barra do Garças completará 65 anos.

Grito do Ipiranga

A Independência do Brasil se deu às margens do riacho Ipiranga, hoje atual cidade de São Paulo, no dia 7 de setembro de 1822 e ficou conhecido como o episódio "Grito do Ipiranga". O Príncipe Regente Dom Pedro gritou "Independência ou morte" e a partir desse momento o Brasil não era mais uma colônia de Portugal. Estava finalmente estabelecida a Independência do Brasil. Logo após a Independência, o Brasil passou a ser uma monarquia, uma forma de governo em que os poderes eram exercidos por um Imperador.

Com as Revoluções na Europa, a família Real Portuguesa decidiu que seria melhor se mudarem para o Brasil. Porém, existiam diversos problemas e divergências entre os portugueses e brasileiros, como a escravidão, a luta territorial, as rebeliões os privilégios da burguesia e etc, que eram os conservadores.

No final de agosto de 1822, depois de se deslocar para São Paulo com o propósito de apaziguar uma rebelião contra José Bonifácio, D. Pedro resolveu romper os laços de união política com Portugal, mesmo com seu pai pedindo que ele voltasse para lá.

Com a emancipação, D. Pedro I foi coroado Imperador do Brasil. 


Notícias Relacionadas »
Comentários »