08/11/2019 às 16h28min - Atualizada em 08/11/2019 às 16h28min

Projeto idealizado por aragarcense e lançado por Bolsonaro concorre ao Prêmio Nacional do Turismo

O projeto Praia Acessível foi lançado no Rio Araguaia em junho e consiste em colocar cadeiras anfíbias para deficientes físicos banharem no rio

Araguaia Notícia + Assessoria
O projeto Praia Acessível foi lançado com a presença do presidente Bolsonaro


A cidade de Aragarças está participando do Prêmio Nacional de Turismo na categoria Turismo Social com o projeto Praia Acessível que visa colocar cadeiras anfíbias para que deficientes físicos possam tomar um banho e aproveitar a temporada de praia no Rio Araguaia. E quem concorre ao prêmio é o aragarcense Guilherme Bispo, presidente da Associação de Deficientes Físicos do Vale do Araguaia(Adefiva).

No dia 29/4, durante o 4º Encontro do Fórum Regional de Turismo do Vale do Araguaia no Thermas Água Santa, ele apresentou a proposta ao Presidente da Goiás Turismo, Fabrício Amaral, que imediatamente colocou em prática e o lançou oficialmente no dia 6 de junho durante visita do presidente da República, Jair Bolsonaro, na praia Quarto Crescente, às margens do rio  Araguaia em Aragarças. 

A Goiás Turismo concorre em sete categorias com projetos reconhecidos pelo MTur. Três pessoas se habilitaram ao Prêmio “Profissionais de Destaque no Turismo”: o presidente da Goiás Turismo, Fabrício Amaral, é um dos finalistas na categoria “Governo – Dirigentes”; e os turismólogos Giovanna Adriana Tavares Gomes, coordenadora do Observatório do Turismo de Goiás, que se classificou na categoria “Academia”; além do gerente de Estruturação e Produtos Turísticos da Goiás Turismo, Luciano Guimarães Soares, que disputa na categoria “Técnicos”.

De acordo com o Ministério do Turismo, a premiação visa reconhecer e incentivar a implantação das iniciativas vencedoras em outros destinos brasileiros, como forma de contribuir para melhorar as condições do Turismo em todo o Brasil.

Mais três projetos goianos chamaram a atenção, se distinguindo na categoria “Iniciativas de destaque”, que premia ações que contribuem significativamente para o Turismo brasileiro. Estão no páreo, pela Goiás Turismo, os projetos “Rotas Gastronômicas” (Aproveitamento do Patrimônio Cultural para o Turismo), “Caminho de Cora Coralina” (Aproveitamento do Patrimônio Natural para o Turismo , “Boletim de Dados do Turismo de Goiás 2018” (Gestão de Dados e Monitoramento no Turismo).

A premiação Profissionais de Destaque no Turismo 2019 é decidida por votação popular pela internet, no site do Ministério do Turismo www.turismo.gov.br e em outros canais do órgão nas mídias sociais, de 14 de novembro a 1º de dezembro de 2019. Os vencedores na categoria “Iniciativas de Destaque” são indicados pela comissão julgadora.

A cerimônia de entrega dos troféus acontece no dia 4 de dezembro em Belo Horizonte (MG), e é aberta ao público. Para o presidente da Goiás Turismo, o reconhecimento por parte do Ministério do Turismo dos projetos do Governo do Estado, Fabrício Amaral como de boas práticas no segmento, já se configura como uma grande conquista para os goianos. Segundo ele, os classificados têm potencial para alcançar a premiação.

“São projetos que solidificam o Turismo como uma alternativa de desenvolvimento para o Estado”, ressaltou.



Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

2.2%
4.3%
19.4%
74.2%