29/08/2019 às 14h51min - Atualizada em 29/08/2019 às 14h51min

Barra do Garças realizou mais uma edição da Rede Mulher com integração e acolhimento ao público feminino

Clênia Goreth. MP MT
ARAGUAIA NOTÍCIA


Aproximadamente 300 mulheres foram atendidas na 6ª edição do Programa Rede Mulher,  promovido pela Rede de Enfrentamento à violência doméstica contra a mulher de Barra do Garças. O evento aconteceu no sábado (24/08),  na Escola Municipal Delice Farias, das 10 às 17h. O objetivo foi atrair mulheres do município para atendimento especializado (psicossocial) e oferta de diversos outros serviços (médico, odontológico, cidadania, apoio jurídico e estética), visando o cumprimento de um dos Eixos que alicerçam a Rede de Frente (Atenção/Proteção Social na violência doméstica).

A iniciativa foi desenvolvida em parceria com o Cartório do 1° Ofício de Barra do Garças, o que possibilitou a regularização civil de várias crianças. Para tornar o ambiente mais acolhedor, as mulheres que passaram pelo local, conforme a presidente da Rede de Frente, Andrea Guirra e a defensora pública, Lindalva de Fátima Ramos,  foram recepcionadas por uma banda do município e com um café da manhã.



A promotora de Justiça Luciana Rocha Abrão David destaca que “ a Rede de Frente busca atrair mulheres para que haja maior interação e desta forma segurança, acolhimento não somente para as vítimas, cujo fato criminoso já é de conhecimento público, como também, aquelas que ainda não tiveram coragem de revelar e noticiar seus agressores, a fim de que sejam empoderadas para dar um basta à violência”.

A Rede de Enfrentamento à violência doméstica contra a mulher de Barra do Garças e Pontal do Araguaia é integrada pelo Ministério Público, Defensoria Pública, Poder Judiciário, Polícia Judiciária Civil, Polícia Militar, Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), Escritório Regional de Saúde, municípios de Barra do Garças e Pontal do Araguaia (Secretarias de Assistência Social, Saúde e Educação), universidades, faculdades, associações e empresas privadas.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.7%
5.1%
18.9%
74.4%