14/08/2019 às 22h54min - Atualizada em 14/08/2019 às 22h54min

Associações buscam apoio de Beto Farias e vereadores para feira livre de sexta-feira em Barra do Garças

A criação de uma nova feira não irá interferir na feira de domingo que continuará funcionando normalmente

Sergio Silva e Francis Amorim / Secom - BG
ARAGUAIA NOTÍCIA
Secom-BG


Representantes de entidades e pequenos produtores se reuniram nesta segunda-feira (12), com o prefeito Roberto Farias em busca de apoio para a implantação de uma feira livre de rua em Barra do Garças. A ideia é movimentar toda a cadeia produtiva da agricultura familiar para um amplo projeto que possa atender os produtores e a população com produtos de boa qualidade.

Na oportunidade, as entidades entregaram ao prefeito um documento solicitando o apoio do município para que seja implantada uma feira para o comércio de produtos de origem da agricultura familiar, reunindo os pequenos produtores do entorno de Barra do Garças. O documento prevê a exploração de uma área pública, nos horários das 18 às 23 horas, às sextas-feiras, e obedecendo as regras sanitárias estabelecidas pela Vigilância Sanitária.

O prefeito Roberto Farias entendeu o pedido e prometeu se empenhar para a implantação dessa feira. Imediatamente, o prefeito convocou a Câmara de Vereadores a apoiar a iniciativa e realizar uma audiência pública para debater a questão com os produtores e sociedade para uma decisão que possa beneficiar a todos.

“É uma ideia que já vinha sendo pensada e que hoje se resume nessa medida tomada pelas união dessas associações que quer ver o pequeno produtor comercializando o seu produto confeccionado artesanalmente, além de transformar o local em um espaço de cultura e lazer sem prejudicar a feira de domingo ou de Aragarças. Eu, como sertanejo, acostumado com as feiras livres, apoio a iniciativa e vamos discutir esse projeto em audiência pública”, disse o prefeito.

Os representantes das entidades sentem que os pequenos produtores já não possuem mais o seu espaço para comercializar o seu produto em Barra do Garças e visualizaram nessa medida uma saída para que a agricultura familiar seja valorizada. “Queremos uma feira livre de rua para o pequeno produtor vender sua pimenta, seu ovo e aquilo que produz. Essa audiência pública que a Câmara realizará será importante para implantarmos essa feira”, disse o presidente da Hortiagro, Marcos Roberto da Silva.

“Hoje você não trabalhar na calçada porque é proibido. A União de Bairros realiza mais de 12 cursos para atender esses a população, no entanto, eles não tem como confeccionar o seu produto e vendê-lo. Essa feira vem para melhoras para nosso povo sem atrapalhar outras feiras, pois eles terão o seu próprio espaço, além de outros produtores da região”, reforçou o presidente da União das Associações de Bairros, Onofre Sebastião de Souza.

 

Para o vice-presidente da Associação dos Pequenos Produtores Rurais do Araguaia (Aproar), João Batista Pereira da Silva, a implantação da feira libre é muito importante. Segundo ele, a união nasce de forma legal e correta para alavancar a agricultura familiar na região. “Essa parceria das associações vai trazer um benefício muito grande, pois será uma oportunidade para que os produtores possam vender sua produção de maneira regulamentada”, destacou, agradecendo o apoio da Câmara de Vereadores.

O vereador Geralmino Neto, o Dr. Neto tambem destacou a viabilização da feira por parte das entidades que representam o segmento da agricultura familiar. Lembrou que as entidades querem organizar uma projeto de forma correta, pois, já procuraram os Poderes Executivo e Legislativo para apoiá-las. “É uma semente que está sendo plantada e que pode dar certo. Achar um local adequado e com qualidade para expor seus produtos será fundamental para o sucesso dessa alternativa”, disse.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.8%
4.6%
19.6%
74.0%