23/05/2019 às 22h35min - Atualizada em 23/05/2019 às 22h35min

Força tarefa prende em Barra do Garças acusados de latrocínio na casa de dono de posto de combustíveis

Uma pessoa foi assassinada e outra ficou ferida durante assalto a casa de um proprietário de posto de gasolina em Caiapônia

Araguaia Notícia
A polícia informou que os acusados confessaram o crime e ainda tem filmagens do crime
Uma força tarefa da Polícia Civil e Polícia Militar de Goiás e Mato Grosso chegou à prisão de dois jovens acusados de latrocínio que ocorreu dia 16/5 na cidade de Caiapônia-GO em que Daniel da Silva Bueno, de 31 anos, genro do empresário Emilson Costa Santos, proprietário de um posto de combustíveis, foi assassinado durante assalto.

Os dois autores do crime Caio Conceição (Bicudo) e Vinicius de Jesus (Escobar), ambos de 21 anos, foram presos em Barra do Garças após sete dias de diligencias das Polícias Civil e Militar de Caiapônia a procura dos criminosos que encontrados e presos no bairro São José.

O Site Araguaia Notícia apurou que a ação conjunta contou com apoio da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Barra do Garças (Derf) e a coordenação do delegado de Aragarças Ricardo Galvão, que adiantou que os dois suspeitos confessaram o crime.

 Aliás, crime cruel que causou repercussão na região do Oeste Goiano. A vítima (Daniel) estava na casa do sogro quando a família foi surpreendida com a chegada dos bandidos que buscavam um cofre a procura de dinheiro.

Como não conseguiram pegar dinheiro, os acusados levaram um aparelho celular e na saída deles, Daniel reagiu tentando acertar os bandidos com uma cadeira de madeira, mas não conseguiu e um dos criminosos atirou na cabeça de Daniel. Uma segunda pessoa ficou ferida durante o assalto. VEJA VÍDEO DO ASSALTO LOGO ABAIXO 

A família entrou em desespero e Daniel chegou a ser socorrido, porém não resistiu e faleceu. Caio e Vinicius já são conhecidos da polícia de Barra do Garças. Vinicius responde por uma tentativa de homicídio.

O assalto aconteceu por volta das 21 horas e os acusados agiram encapuzados. Toda a ação foi captada por uma câmera de segurança instalada no local. A interpretação dos PMs é de que os suspeitos agiram com violência desde que chegaram. No vídeo abaixo, por exemplo, é possível ver um dos invasores, ainda encapuzado, dando coronhadas e ameaçando os moradores

O genro do proprietário, Daniel, acabou baleado na cabeça por um dos assaltantes. Emilson também foi atingido pelos disparos, que atingiram a sua perna direita. Após alvejar as vítimas, os suspeitos fugiram levando o celular de uma delas. Esposa de Emilson, cujo nome não foi revelado, afirmou à PM não ter notado a falta de dinheiro ou outros objetos.




 

Presos elementos que fizeram em Caiapônia assalto seguido de morte

De Oeste Goiano 


Depois de uma ação incansável e initerrupta os bravos policiais militares e civis de Caiapônia, rapidamente já dão uma resposta ao crime contra a vida de Daniel “Rosinha”, morto com tiro durante assalto.

Feita a prisão dos autores Vínicius de Jesus (Escobar) e Caio Conceição (Bicudo) em terras de Mato Grosso, na cidade de Barra do Garças. Segundo o Tenente Dayan, Comandante da Cia PM em Caiapônia, esses 7 dias foram de muito trabalho, exaustão e dedicação ao caso, e o sucesso foi graças aos fatores de perseverança, fé e compromisso com a sociedade caiaponiense. 

 

A prisão foi em ação da Polícia Civil em conjunto com a Polícia Militar de Caiaponia, prendendo os dois, fato desta quinta-feira, 23.

 

O assalto deles, com tiro e morte, foi no último dia 16, quando Daniel da Silva Bueno, foi baleado e levado a socorro em Hospital de Santa Helena de Goiás, mas morreu. O lamentável abalou a cidade de Caiapônia e até a região. 

Os dois foram presos em cumprimento a mandado de Prisão Temporária do Poder Judiciário de Caiapônia, após investigação exitosa que culminou na identificação dos autores. Atuou também na captura equipes de inteligência de Goiânia, bem como ajuda de policiais do Estado de Mato Grosso, permitindo a ação exitosa.

 

Ao serem presos, os autores confessaram o crime e estão sendo recambiados para a Comarca de Caiaponia. Segundo o comandante da Pm em Caiapônia, Tenente Dayan, esses autores agora presos são "faccionados do cv".


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »