20/05/2019 às 06h40min - Atualizada em 20/05/2019 às 06h40min

Exército estará no aniversário de Água Boa em julho

A festa de 44 anos do município contará com a participação do batalhão Sentinela do Araguaia, informou o coronel Jorge

Araguaia Notícia


Na semana passada, o comandante do 58º batalhão de infantaria do Exército Brasileiro, tenente-coronel José Jorge Goncalves Júnior, recebeu a visita em Aragarças-GO do prefeito de Água Boa-MT, Mauro Rosa, para definir detalhes sobre a participação do Exército no aniversário de 44 anos de criação do município de Água Boa que será comemorado no dia 5 de julho.
 
Maurão esteve acompanhado do secretário de Educação, Agnaldo Lansoni, e do vice-presidente da Câmara Municipal de Água Boa, vereador Sandro Lúcio Aleixo.  

Água Boa foi fundada em 9 de julho de 1975 por agricultores vindos do sul do país. O município foi emancipado em 26 de dezembro de 1979. Sua economia baseia-se na agropecuária, indústria, comércio e na prestação de serviços.

História 
 
O município de Água Boa, cujo nome tem origem num ponto de abastecimento de água em um córrego à beira da estrada, foi inicialmente habitada por etnias indígenas hoje desaparecidas como Tsuvá e Marajepéi. Posteriormente índios da etnia Xavante chegaram à região e a habitam até hoje.·. 

Em 1673 a região foi explorada pelo bandeirante Manoel de Campos Bicudo em busca de ouro.
 
A primeira iniciativa governamental de ocupar a região foi a Expedição Roncador-Xingu, através da Fundação Brasil Central, que tinha como um de seus objetivos a procura um lugar mais seguro para, em caso de necessidade, transferir a capital da República para o interior.

A Expedição realizada na década de 40, adentrou o município de Água Boa, seguindo pelo traçado atual da BR-158 do Rio Areões até a região central do município, daí seguindo para o Garapu até o Rio Culuene. A Expedição foi responsável pela identificação do Rio Sete de Setembro, bem como da construção de um campo de pouso no Garapu.


 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.2%
24.5%
1.4%