12/05/2019 às 08h19min - Atualizada em 12/05/2019 às 08h19min

Índios 'prendem' homem em corte ilegal de madeira no Araguaia

o rapaz estava com motoserra dentro de uma reserva indígena no Norte Araguaia

Circuito Mato Grosso / ARAGUAIA NOTÍCIA
G1 MT
Homem é preso por índios conrtando madeira em reserva


Indígenas Tapirapé “prenderam” um homem flagrado com motosserra, cortando árvores na terra indígena (TI) Urubu Branco em Confresa (1.160 km de Cuiabá). Conforme a Funai (Fundação Nacional do Índio), o homem, que não teve identidade revelada, foi imobilizado e levado para a delegacia do município na noite de quinta-feira (9). Informações são do site G1 Mato Grosso. 

Ainda conforme a fundação, os indígenas disseram ter ouvido o ruído do motosserra na região de serra ao norte da reserva e decidiram averiguar o local e encontraram o homem o motor de corte. Ele foi levado após de cerca de 36 horas sob o poder dos indígenas. 

A Funai informou que o homem é funcionário de um madeireiro em Confresa, apontado como um dos maiores desmatadores. A polícia informou que o madeireiro está na lista de procurados por crimes ambientais.  

Os indígenas que detiveram o rapaz tinham condicionado a entrega à Polícia Federal do suspeito à Polícia Federal, mas foram convencidos pelo delegado de plantão a apresentá-lo à Polícia Civil. Ele foi autuado em flagrante por desmate de área proibida. 

Há pouco mais de dez dias, o Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambienta e Recursos Renováveis) prendeu 12 pessoas por extração ilegal de madeira, na mesma área em que ocorreu o caso de anteontem. As prisões ocorreram em operação deflagrada em conjunto com a Funai. Acampamento foi destruído e equipamentos de corte apreendidos. 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.4%
24.3%
1.4%