09/05/2019 às 18h20min - Atualizada em 09/05/2019 às 18h20min

Morre casal pioneiro que viu surgir duas cidades do Araguaia

Ex-vereador Gurupi e a professora Teresa acompanharam o surgimento de Ribeirãozinho e Bom Jesus do Araguaia. Prefeito de Barra do Garças, Roberto Farias, divulgou uma nota de pesar enaltecendo a trajetória dos pioneiros

Ronaldo Couto
Araguaia Notícia
Eles iriam completar 77 anos de idade e 55 de matrimônio


Uma notícia muito triste pegou família e amigos de surpresa. A morte de casal de pioneiros que viveu 55 anos juntos e iriam completar 77 anos de idade neste mês. Primeiramente faleceu a professora Teresa Viana Pessoa com 76 anos que foi sepultada na manhã de quinta-feira (9/5) e a tarde do mesmo dia faleceu o esposo dela, em Cuiabá no Hospital São Matheus onde estava internado, o ex-vereador Sebastião Lopes Pessoa, conhecido como Gurupi, também com 76 anos. Ambos estavam com problema de saúde.

Gurupi ficou conhecido na região pela sua atuação na política. Ele foi vereador e presidente da Câmara Municipal de Ribeirãozinho e foi presidente da comissão que emancipou Ribeirãozinho em 1991 que antes pertencia a cidade de Ponte Branca-MT. Ele também foi candidato a prefeito em Ribeirãozinho.

Sua atuação na política veio depois de se tornar um grande produtor de grãos na região. Na década de 80, ele foi considerado o maior produtor de arroz de Ribeirãozinho.

Depois na década de 90, ex-vereador participou do movimento que criou o município de Bom Jesus do Araguaia-MT juntamente com o prefeito na época Marco Aurélio. Ainda na década 90, Gurupi foi assessor do saudoso professor Osvaldo Soler que chegou assumir por algum tempo a vaga de deputado federal.

Natural da cidade de Cocos no estado da Bahia, Gurupi recebeu este apelido porque veio de Tocantins para Ribeirãozinho justamente da cidade de Gurupi acompanhado de Teresa. E aos 76 anos, ele demonstrava que ainda queria mais, e estava cursando Direito no Centro Universitário Univar.

Gurupi e Teresa deixam os filhos João Bosco, Teles Pessoa, João Dehon Viana Lopes, Leila Viana Lopes, Eliane Carla Viana Pessoa e Leiliane Viana Pessoa que foi casada com o professor Marcelo Soler do Centro Univar e que hoje atua como advogada em Cuiabá.

A família informou que o ex-vereador será velado na Câmara Municipal na sexta-feira (10/9). Os pêsames à família.

Nota de pesar do prefeito de Barra do Garças, Roberto Farias, a famiiares do Gurupi e Teresa: 

O prefeito Roberto Farias vem neste momento de dor e solidariedade cristã, se solidarizar com a família do casal de pioneiros da região do Vale do Araguaia, Teresa Viana Pessoa e Sebastião Lopes Pessoa, o senhor Gurupi, pelo passamento de ambos, ocorridos nesta quarta (8) e quinta-feira (9).

Exemplo de união pela convivência por 55 anos, o casal de pioneiros construiu família e colaborou, ao longo dos últimos anos, pelo desenvolvimento do Araguaia, com participação decisiva na criação do município de Ribeirãozinho, onde Gurupi foi vereador e presidente da Câmara Municipal.

Professora, D. Teresa foi mãe e educadora exemplar, dedicando parte de sua vida para a educação dos filhos, e deixando um legado que jamais será esquecido. Ao lado do marido, não mediu esforços para lutar pelo desbravamento do Araguaia, tendo sido um esteio na luta de Gurupi, pela emancipação do então distrito de Bom Jesus do Araguaia.

Quero aqui, em nome do povo de Barra do Garças, deixar nossos agradecimentos ao pai, a mãe, aos pioneiros e aos desbravadores que sempre acreditaram nesta região. Que Deus, nosso Pai Celestial, receba o casal em sua nova morada e possa dar o conforto que ele merece diante de tanta luta aqui na terra.

Aos familiares as nossas condolências. 

Prefeito Roberto Farias
 

 
 
 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.2%
24.4%
1.4%