07/05/2019 às 14h46min - Atualizada em 07/05/2019 às 14h46min

Polícia Civil prende suspeito que matou mulher enforcada em Aragarças

O criminoso usou o próprio cinto para matar a companheira

ARAGUAIA NOTÍCIA
Assessoria PJC GO
Assessoria PJC GO


A equipe da Polícia Civil cumpriu o mandado de prisão temporária na tarde de segunda-feira (6/5) contra E. R. S. N , 33 anos, suspeito de homicídio por enforcamento da vítima Genozira Luiza de Jesus, 45 anos.

Por volta do dia 6/11/2018, a vítima Genozira foi encontrada morta em sua residência, no Setor Ceará nesta cidade de Aragarças, com sintomas de violência na região do pescoço. No local dos fatos, havia um cinto masculino e, conforme laudo pericial, foi utilizado para enforcar a vítima.

Durante as investigações, chegou-se ao suspeito E. R. S. N, o qual frequentemente cobrava da vítima uma dívida contraída em razão de um acidente de trânsito ocorrido em 2017, inclusive com ameaças de morte.

O delegado Ricardo Galvão, titular da delegacia de Aragarças, declarou que o suspeito, após o crime, foi para algumas clínicas para tratamento de dependência química, todavia, com o fim de ficar fora da cidade em razão das investigações.

A última clínica frequentada pelo suspeito foi na cidade de Três Ranchos, e, após retorno monitorado pelos agentes policiais, o mandado de prisão foi cumprido na delegacia após intimação, afirmou o delegado Galvão.

As investigações seguem com o prazo de 30 dias, acrescentou o delegado. 

 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.2%
24.4%
1.4%