01/04/2019 às 14h58min - Atualizada em 01/04/2019 às 14h58min

Hospital de Barra do Garças ganha Unidade de Estabilização na ala de maternidade

SECOM - BG
ARAGUAIA NOTÍCIA


O Hospital e Pronto Socorro de Barra do Garças ganhou uma Unidade de Estabilização para o atendimento de crianças à espera de transferência para uma Unidade de Terapia Intensiva Pediátrica (UTI). Os equipamentos foram instalados na ala de maternidade pela Secretaria Municipal de Saúde.

A Unidade de Estabilização é o primeiro passo para a instalação da UTI Neonatal, um dos maiores objetivos do prefeito Roberto Farias e da secretária de Saúde, Clênia Monteiro. No leito são assistidos pacientes mais graves, que necessitam de ventilação mecânica até a transferência para uma UTI.

Segundo o diretor do hospital, o médico Lorraine Malafaia, a implantação dessa unidade foi necessária para dar suporte as crianças que tivessem a necessidade do atendimento em uma Unidade Semi-Intensiva, disponível apenas na Capital do Estado, Cuiabá.

 “A ideia dessa estabilização é dar condições de estabilizar a criança até que ela seja transferida. Já auxiliamos crianças que aguardavam suas vagas em uma Unidade de Terapia Intensiva e para o hospital foi um ganho muito grande”, destaca.

Para a pediatra Denise Coutinho, o leito é de extrema importância para o atendimento de crianças. “Quando recebemos pacientes mais graves, elas são monitorizadas e aquelas que precisam de um respirador para manter a função do pulmão adequada até a remoção para uma UTI recebem toda a assistência necessária”, disse.

A pediatra informou que a Unidade de Estabilização está capacitada para atender até quatro pacientes, sendo dois leitos para crianças maiores e duas incubadoras para recém-nascidos com aparelhos de ventilação mecânica, monitores, carrinho de parada com medicação para o uso imediato, as incubadoras e equipe de enfermagem à disposição.

A secretária de Saúde, Clênia Monteiro elogiou o empenho das médicas pediatras Denise Coutinho e Roberta Almeida, e equipe de enfermagem. “Essa sala que foi criada para atender essas crianças que precisam ir para uma UTI foi implantada graças ao amor das pediatras, das nossas enfermeiras e da direção do hospital. É a prova que com muito pouco, se pode fazer muito e salvar vidas”, destacou.

Clênia lembrou que o prefeito Roberto Farias continua trabalhando para a implantação da UTI Neonatal. Ela ressaltou que a saúde enfrenta dificuldades com a falta de repasses pelo Estado, mas a expectativa é instalar a unidade ainda neste ano e deixar o hospital ainda mais equipado
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.6%
5.4%
17.7%
75.2%