29/03/2019 às 07h16min - Atualizada em 29/03/2019 às 07h16min

Corpo de motorista de aplicativo é encontrado carbonizado dentro de porta-malas de carro em MT

ISABELA MERCURI - OLHAR DIRETO
ARAGUAIA NOTÍCIA


Um motorista de aplicativo identificado como Jonas de Almeida Silva, de 26 anos, foi encontrado carbonizado na manhã desta quinta-feira (28), no porta malas do carro, um gol de placa HJR- 4267, no bairro São Matheus, em Várzea Grande. Ele estava desaparecido deste a manhã da última quarta-feira (27). A PM aguarda o exame da perícia. 

De acordo com informações dos policiais do 4º Batalhão da Polícia Militar, a família contou que Jonas saiu para trabalhar na noite de terça-feira (26), por volta das 22h, e na quarta-feira (27) pela manhã entrou em contato avisando que estava em uma corrida. Depois disso, não deu mais notícias.

Na noite de quarta-feira (27), a Polícia foi informada de que o corpo dele estaria em uma região de mata, aos fundos da Cohab São Benedito. Como a região é de difícil acesso, e só é possível chegar a pé,e le só foi encontrado na manhã desta quinta-feira (28).

O corpo estava dentro do porta malas do carro e tanto ele quanto o carro estavam carbonizados. A Polícia ainda não tem nenhuma suspeita do motivo ou de quem teria cometido o assassinato.

Outro caso

No último dia 20 de março, o motorista de aplicativo Anderson Marcelo Lopes, de 29 anos, também morreu após ser baleado na cabeça, no bairro Serra Dourada. Testemunhas relataram que viram um carro modelo Gol em alta velocidade pela avenida principal do bairro, depois ouviram um barulho de tiro e suspeitos correndo.
Depois, Jeferson Pereira de Jesus, Renato Marcelo da Silva e Wallyson Henrique Campos Oliveira, disseram que executaram o motorista porque ele não queria descer do carro, um Gol branco, durante um assalto.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

75.1%
23.6%
1.3%