24/12/2018 às 08h39min - Atualizada em 24/12/2018 às 08h39min

Mulher que atropelou três em frente à Valley é professora da UFMT e será autuada por homicídio e outros crimes

Isabela Mercuri / Olhar Direto
Araguaia Notícia


A bióloga Rafaela Screnci da Costa Ribeiro, 33, que dirigia a caminhonete Renault Oroch, de placa QCQ-8012, e atropelou três pessoas em frente à Valley Pub na manhã deste domingo, será autuada por homicídio culposo, duas lesões corporais graves e embriaguez no volante (procedimento em andamento). Ela é professora substituta na Universidade Federal de Mato Grosso.

De acordo com informações da Polícia Judiciária Civil, Rafaela trafegava pela sentido bairro/centro pela faixa de rolamento da esquerda, quando nas proximidades da boate Valley Pub, a poucos metros da faixa de pedestre, atropelou Hya Girotto Santos, Ramon Alcides Viveiros e Myllena de Lacerda Inocencio, que morreu no local. Ela ainda bateu em um Gol. 

As outras duas vítimas foram encaminhadas para o Pronto Socorro Municipal. Ramon foi transferido para a Amecor para passar por uma cirurgia, depois de ser constatado traumatismo craniano. Ele é filho do procurador de justiça Mauro Viveiros. Ainda não há informações sobre o estado de saúde de Hya.

Rafaela, a motorista, é doutora em Ecologia e Recursos Naturais pela Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro, mestre em Ecologia e Conservação da Biodiversidade pela Universidade Federal de Mato Grosso e chegou a estudar na Mississippi State University, nos Estados Unidos. Ela é formada em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Mato Grosso.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

75.1%
23.6%
1.3%