09/06/2013 às 10h41min - Atualizada em 09/06/2013 às 10h41min

Prefeito de Barra divulga nota de pesar no facebook sobre a morte de Marcos Coutinho

Uma das cidades que mais acessa o Olhar Direto é Barra do Garças

Araguaia Notícia
Agua Boa News Gilney e Isac ao lado de Coutinho no megaleilão de Água Boa

O prefeito de Barra do Garças, Roberto Farias, publicou agora pouco no facebook, uma nota onde lamenta a morte prematura do jornalista Marcos Barbosa Coutinho, um dos fundadores e diretor-geral do Grupo Olhar Direto. Diz a nota “Recebemos com muita tristeza nesta madrugada (09/06) a notícia do falecimento do Jornalista Marcos Coutinho, do site Olhar Direto. Com Muito trabalho e uma visão empreendedora contribuiu para o crescimento da mídia digital de Mato Grosso. Os pêsames aos familiares, amigos e colegas!”.

Beto destacou que Coutinho acreditou no nicho da mídia digital ainda no século passado e se tornou um dos precursores desta modalidade do webjornalismo no estado. Outro aspecto observado pelo prefeito de Barra é sobre a dedicação incansável pela notícia fato que tornou o site Olhar Direto um dos mais acessados no interior, citando o caso de Barra do Garças.
Formado pela Universidade Metodista de São Paulo era considerado um dos profissionais mais polêmicos da comunicação de Mato Grosso e ícone no jornalismo investigativo chegou a duas finais regionais do Prêmio Esso de Jornalismo – veículo impresso Centro-Oeste, fato raro para quem atua em Cuiabá.

No começo dos anos 2000, fundou o site Olhar Direto com o amigo Mário Marques Almeida. Há três anos, fundou a mais estruturada sucursal de Brasília entre os veículos website de Cuiabá.

Marcos Coutinho deixa a esposa Maria Izabel Manfrin Coutinho Barbosa e três filhos – Matheus Coutinho (23), Lucca Coutinho (20) e Joaquim Coutinho (17). “Desejo que Marcos seja lembrado profissional dedicado e pai de família exemplar”, define a mulher Izabel Coutinho.

Por motivo de força maior, a família ainda não decidiu o local do velório.
 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.2%
24.5%
1.4%