28/08/2018 às 14h49min - Atualizada em 28/08/2018 às 14h49min

Mulher é estuprada por vizinho após sair de igreja em MT

Midia News
Uma mulher de 30 anos denunciou à Polícia Militar ter sido estuprada após sair da igreja que freqüenta, em Rondonópolis (a 218 km de Cuiabá), no domingo (26).

 

De acordo com o boletim de ocorrência, o suspeito é vizinho da vítima e teria ido visitado a mesma congregação da vítima.

Ela afirmou que, após o fim do culto, pediu para que um amigo levasse seus filhos para casa porque iria continuar no local para fazer orações.

O suspeito teria também continuado no local e, após o fim das reza, durante o percurso para a casa da mulher, o homem a convidou para entrar em sua casa, convite que teria sido negado pela vítima.

Conforme o BO, após não conseguir convencê-la a entrar, o suspeito agarrou a mulher à força e a obrigou a entrar na residência. Em seguida, tirou as roupas dela e a estuprou.

A vítima ainda contou que tentou lutar para impedir a conjunção carnal, mas não conseguiu. Ela disse, ainda, que o homem não usou preservativo.

Segundo a mulher, essa não foi a primeira vez que o homem a violentou sexualmente. Segundo ela, em agosto de 2017, ele também a estuprou, mas ela não denunciou o crime por vergonha.

Após ouvir o relato da mulher, equipes policiais foram até a casa do suspeito e o prenderam.

Ele foi autuado por estupro consumado e encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil da cidade.

A vítima também deixou as roupas que usava no dia do estupro na delegacia e pediu para que fosse feito um exame de corpo de delito.
Notícias Relacionadas »
Comentários »