21/08/2018 às 12h57min - Atualizada em 21/08/2018 às 12h57min

Suspeito de dar golpes em hotéis e se passar por médico é preso

Midia News
Um homem foi detido no último sábado (18), no município de Tangará da Serra (a 242 km de Cuiabá), suspeito de aplicar golpes em três hotéis da cidade e se passar por médico do Exército Brasileiro.
 
De acordo com a Polícia Militar, F.O.B. saía dos hotéis sem pagar a conta.
 
Com ele, a polícia encontrou uma farda do Exército, materiais médicos e pasta de documentos.
 
Conforme a Polícia Civil, o suspeito assinou Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e foi liberado após prestar depoimento. F.O.B. negou as acusações.
 
Além do crime de estelionato, F.O.B. também será investigado por exercício ilegal de Medicina.
 
Punição
 
Em caso de condenação, a pena para quem exerce profissão sem ser habilitado varia de seis meses a dois anos de detenção.
 
Se o crime for praticado com o fim de lucro, aplica-se também multa.
 
Quanto ao estelionato, a pena prevista é de detenção, de quinze dias a dois meses, ou multa.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.9%
23.7%
1.3%