23/07/2018 às 10h11min - Atualizada em 23/07/2018 às 10h11min

Acadêmica da Faculdade Cathedral apresentará Artigo de Pesquisa em Congresso Internacional

Faculdade Cathedral / Alysson Cavalcante
Araguaia Notícia
Reconhecimento pela dedicação e trabalho árduo é uma das melhores recompensas na vida de quem se preocupa com o futuro. Um exemplo de conquista como essas, ocorreu recentemente com a acadêmica Claudivina Campos Vasconcelos, do 10º semestre do curso de Direito da Faculdade Cathedral. A acadêmica foi selecionada para apresentar o seu resumo/artigo de pesquisa, no Simpósio nº. 02, do “III Congresso Internacional de Direitos Humanos da Universidade de Coimbra: uma visão transdisciplinar”, que acontecerá nos dias 15, 16 e 17 de outubro de 2018, na cidade de Coimbra, em Portugal.

A proposta deste importante evento acadêmico internacional é fomentar, conforme sua proposição temática, a construção de ideias e o desenvolvimento de teorias científicas a partir de uma perspectiva multidisciplinar e crítica das ciências sociais e jurídicas. Além disso, justificar os novos tempos das ciências jurídicas e sociais criando, definindo, sustentando e acreditando nas sociedades que caminham na direção da superação das práticas violadoras de Direitos Humanos, com objetivos de produzir uma sociedade verdadeiramente justa e solidária.

Claudivina apresentará seu artigo de pesquisa perante uma comissão avaliadora, formada por renomados Professores Doutores da área de Direitos Humanos. O artigo a ser exposto pela acadêmica será fundamentado no tema: “Pornografia, de Vingança: Uma Reedição da Violência e suas Fragilidades de Punibilidade”. Durante a elaboração do artigo, Claudivina teve como orientadora, a Professora Doutora Gisele Silva Lira Resende, que irá acompanhar a acadêmica em sua apresentação no Congresso Internacional.

Segundo Claudivina, o tema objetiva avaliar as fragilidades jurídicas e sociais que propagam os crimes de Disseminação Indevida de Material Íntimo (DIMI), conhecido como Pornografia de Vingança, baseando-se na ideia de que, mesmo diante de todas as conquistas sociais alcançadas pelas mulheres na história, infelizmente ainda enfrentam novas modalidades de violência nos dias atuais.

“A Disseminação Indevida de Material Íntimo, consiste na veiculação, principalmente por intermédio da Internet, de imagens íntimas sem o consentimento das pessoas que foram filmadas ou fotografadas, sendo as mulheres as maiores vítimas, que têm sua intimidade e privacidade violadas a partir do momento que são expostas.”, explica Claudivina.

Claudivina se diz extremamente feliz por ter sido selecionada para apresentar o artigo e que essa conquista, é o resultado de muito esforço, persistência e determinação, sendo muito estimulada pela Orientadora Gisele Lira e pela Diretora Acadêmica da Instituição e Diretora do Núcleo de Iniciação à Pesquisa Científica, Professora Rosilene Lopes Cardozo, no sentido de produzir um ótimo resumo e realizar o sonho de poder participar desse Congresso Internacional, em uma das universidades mais antigas da Europa: “fiquei muito feliz quando recebi a notícia que fui uma das selecionadas. Com certeza, é uma ótima recompensa e uma sensação inenarrável de dever cumprido. A Professora Gisele, juntamente com a Professora Rosilene, foram fundamentais para que tudo isso acontecesse, ambas sempre muito comprometidas, exigentes e muito competentes no propósito de orientar, de fato seus alunos. Por todos esses aspectos, agradeço imensamente as Professoras, pelas orientações e conselhos a mim ofertados e a Faculdade Cathedral, por todo apoio”, destacou a acadêmica.

A Professora Doutora Gisele Silva Lira Resende, destacou o seu orgulho por ser a orientadora da acadêmica no desenvolvimento do artigo: “Sinto-me bastante honrada e orgulhosa, por contribuir e acompanhar de perto o crescimento e o sucesso da acadêmica Claudivina, que sempre se destacou pelo seu esforço, competência e dedicação. A importante participação da acadêmica em um Congresso Internacional, dentro do âmbito de uma das universidades mais prestigiadas do mundo, chancela a seriedade do trabalho desenvolvido no Núcleo de Iniciação à Pesquisa Cientifica da Faculdade Cathedral. Por tanto, devemos comemorar demasiadamente essa importante conquista da Instituição e principalmente, da aluna Claudivina”, relatou a Professora.

“Vale ressaltar que essa é a segunda oportunidade que a acadêmica tem de apresentar um artigo científico, em um evento importante, representando a Instituição. A primeira oportunidade foi em 2016, no II Colóquio de Estudos Feministas e de Gênero da Universidade de Brasília – UnB, em Brasília – DF”, concluiu Gisele.

Segundo o Coordenador do Curso de Direito da Faculdade Cathedral, Professor Ms. Ronny Cesár Camilo Mota, o reconhecimento internacional por uma produção acadêmica de uma discente da Instituição, demonstra a solidez da formação, ressaltando a especial vocação do Curso de Direito da Cathedral para o fomento da pesquisa e da extensão: "esse trabalho aprovado representará a todos nós, na medida em que denota a materialização de nossa missão institucional, que se consolida pelo árduo trabalho dos professores e do esforço, sem medidas dos nossos caríssimos alunos, comprometidos com a transformação pessoal por meio da construção coletiva do conhecimento" salienta o Coordenador.

Em nome dos Mantenedores da Faculdade Cathedral, o Diretor Executivo, Dr. Sandro Luis Costa Saggin, parabeniza a acadêmica Claudivina pela louvável conquista: “a participação da acadêmica Claudivina em um Congresso Internacional, nos enche de orgulho e nos motiva a continuar trabalhando e investindo cada vez mais na qualidade do nosso ensino. Parabéns por essa importante conquista, desejamos muito sucesso e glórias em sua caminhada acadêmica e profissional” concluiu Sandro.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

75.1%
23.6%
1.3%