20/07/2018 às 23h50min - Atualizada em 20/07/2018 às 23h50min

Após falha na condução de processo, justiça liberta 5 suspeitos do assassinato de garota em Nova Xavantina

NX1
Araguaia Notícia
A justiça estadual libertou na quinta-feira (19/7), 02 dias após serem presos, 05 suspeitos no envolvimento da morte da jovem Thainara Alves Oliveira, 21 anos, assassinada brutalmente na madrugada de sábado (14.07) em Nova Xavantina.

Segundo a decisão da justiça, as prisões noticiadas se deram em contrariedade ao ordenamento jurídico, posto que não se encontram presentes quaisquer das hipóteses do artigo 302 do Código de Processo Penal, visto que os autuados não foram presos cometendo ou acabando de cometer as infrações penais que lhes foram imputadas, assim como não foram encontrados logo após em situação que fizesse presumir serem os autores; ou logo depois, encontrados com instrumentos, armas, objetos ou papéis que fizessem as autorias em questão. 

Ainda de acordo com a decisão, a prisão poderia ter sido mantida se o pedido fosse de prisão temporária, nos termos da lei.

De acordo com o inquérito da polícia civil, os cinco suspeitos planejaram o crime junto com autor dos disparos e auxiliaram na fuga do executor. Os acusados forneceram roupas ao acusado e  também o capacete usado por ele na fuga de motocicleta. Os materiais foram apreendidos.

Em poder dos cinco suspeitos, foi apreendida uma motocicleta, usada, inicialmente, para dar fuga ao autor dos disparos que matou a vítima. Depois suspeito trocou de veículo com seus comparsas e entrou num carro Sandero, que também dava cobertura ao crime. O veículo que está clonado foi apreendido pelos policiais.

O CRIME
Thainara Oliveira Silva, 21, morreu na madrugada de sábado (14.07), em uma festa. A moça foi alvejada por três disparos de arma de fogo, na região do peito e abdômen. Ela chegou a ser socorrida e levada à atendimento médico, mas não resistiu aos ferimentos e foi a óbito.

FORAGIDO
A suspeita principal dos disparos, um homem de estatura média e já identificado pela polícia, está foragido desde o dia do crime.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

75.0%
23.7%
1.3%