16/07/2018 às 18h09min - Atualizada em 16/07/2018 às 18h09min

Servidor do Detran-MT é preso acusado de cobrar propina

Midia News
Um servidor do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) foi preso em flagrante na manhã desta sexta-feira (16), após ter sido denunciado por supostamente cobrar propina para aprovar um aluno em uma prova de habilitação, em Sapezal (a 473 km de Cuiabá).
 
Consta no boletim de ocorrência que o motorista realizou uma prova prática para mudança de categoria. Ao final do teste, segundo o B.O., ele teria sido informado pelo servidor que havia sido reprovado.
 
No entanto, ainda conforme a acusação, o servidor disse ao aluno que o aprovaria se ele pagasse a quantia de R$ 200. A principio, ele tinha dito ao servidor que iria buscar o dinheiro em sua casa e que retornaria depois.
 
Mas o homem foi até uma companhia da Polícia Militar, próximo ao local da prova, por volta das 11h, e denunciou a conduta do servidor.
 
Os militares foram até o local e detiveram o servidor, que foi encaminhado para a delegacia da cidade. Ele foi autuado por corrupção passiva. 
 
Por meio de nota, a corregedoria do Detran informou que o servidor já foi liberado após prestar esclarecimentos do caso e que um PAD foi instaurado para investigar o caso.
 
Leia a íntegra da nota do Detran:
 
"O Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (Detran-MT) esclarece que, por meio da Corregedoria da autarquia, está acompanhando o caso em que o servidor lotado no município de Sapezal foi conduzido para prestar esclarecimentos na delegacia do município, após denúncia de suposto pedido de propina para aprovar um aluno.
 
Ele foi liberado logo após os esclarecimentos terem sido prestados. Um procedimento de investigação já foi instaurado pela Corregedoria para apurar a conduta do servidor ."
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.9%
23.7%
1.3%