10/07/2018 às 19h10min - Atualizada em 10/07/2018 às 19h10min

Ibama de Barra do Garças prende 3 acusados de extração de madeira em terra indígena

Assessoria / Cenário MT
Araguaia Notícia
Durante ação realizada pelos fiscais do Ibama cujo objetivo é combater crimes ambientais dentro da área proibida foi feito a prisão de três homens acusados de extração ilegal de madeira dentro da Terra Indígena Areões, da etnia Xavante, em Nova Nazaré.

A ação de fiscalização ocorreu entre os dias 4 e 5 de julho. Durante dois dias fiscais da Unidade Técnica do Ibama de Barra do Garças flagraram intenso movimento de caminhões de cargas na reserva e flagraram um homem cortando lascas para o comércio em cerâmica da região. Ele foi preso e teve uma motosserra e uma motocicleta apreendida na operação.

Na ação mais dois suspeitos foram identificados, ambos atuavam na extração de madeira. Os três detidos foram encaminhados a Delegacia de Água Boa pelo furto de madeira na terra indígena. Como resultado da operação foram apreendidos motosserras e um trator, além da localização de um grande volume de madeira cortada nos formatos de pranchas, vigas e mourões.

Os presos foram multados em R$ 6 mil por hectare explorado ilegalmente e caso sejam condenados pela prática de crime ambiental, podem pegar penas que variam de dois a quatro anos de prisão.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

75.2%
23.5%
1.3%