04/07/2018 às 13h24min - Atualizada em 04/07/2018 às 13h24min

Polícia Civil prende homem com CNH falsa em Confresa; Terceiro caso em menos de seis meses

Agência da Notícia
Um homem acusado de uso de documento falso foi preso em flagrante pela Polícia Judiciária Civil, nesta terça-feira (03.07), em Confresa. Morador da zona rural, Juracy Alves Guimarães, 53, foi detido após uma denúncia anônima e apresentou uma Carteira Nacional de Habilitação (CNH) falsa na delegacia. 

As diligências iniciaram após a equipe da Polícia Civil de Confresa receber informações de que suspeito possuía um mandado de prisão em aberto decretado pela Justiça de Tocantins pelo crime de homicídio.

Imediatamente, os investigadores foram até o distrito de Santo Antônio do Fontoura, a aproximadamente 90 quilômetros de Confresa, onde localizaram o suspeito e conduziram até a Delegacia de Polícia para uma checagem mais minuciosa.

Durante checagem dos documentos pessoais do suspeito, os policiais desconfiaram da Carteira de Habilitação apresentada pelo acusado, que aparentava ser falsa. Na verificação pelo número do registro e do Renach da CNH foi verificado que o documento pertencia a outra pessoa, sendo dado voz de prisão ao suspeito por uso de documento falso.

Segundo o delegado, André Rigonato, existe uma investigação em andamento para apurar o envolvimento de outras pessoas nesse tipo de crime, uma vez que é a terceira apreensão de documento falso, realizada nos últimos seis meses no município.

Quanto ao possível mandado de prisão, os policiais após uma checagem junto ao Tribunal de Justiça do Estado do Tocantins constataram não haver ordem judicial em desfavor do Suspeito.

Diante de todas as providências, o suspeito foi autuado em Flagrante Delito pelo Crime de Uso de Documento Falso, onde será encaminhado para a Cadeia Pública de Porto Alegre do Norte, onde ficará à disposição da Justiça.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

75.1%
23.6%
1.3%