22/04/2013 às 17h43min - Atualizada em 22/04/2013 às 17h43min

Dentista é suspeito de tentar abusar de paciente durante consulta

G1 MT
Ilustração

Um dentista de 46 anos é suspeito de cometer assédio sexual contra uma paciente de 18 anos, dentro do próprio consultório, localizado em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá, por volta do meio dia desta segunda-feira (22). De acordo com a Polícia Militar, a vítima tinha agendado uma consulta para o implante de aparelho ortodôntico.

Durante o atendimento, o dentista teria levantado a blusa da jovem e tentado passar a mão nos seios dela e em outras partes íntimas. A garota acionou a Polícia Militar e registrou boletim de ocorrência. Ela relatou que tentou repreender o profissional, mas ele teria segurado o seu rosto e dito que queria sair com ela.

Uma equipe de policiais foi até o consultório atrás o ortodontista, mas o local estava fechado.Ainda conforme a polícia, minutos depois, o próprio dentista ligou para a Central de Flagrantes de Várzea Grande e informou que vai se apresentar com o advogado para esclarecimento do caso. Um inquérito deverá ser aberto para investigar o que de fato ocorreu no consultório.

A equipe de reportagem do G1 tentou falar com o delegado, mas ele não atendeu as ligações.

Ao G1, o coordenador de fiscalização do Conselho Regional de Odontologia, Widney Maicon de Lima Alves, informou que o dentista está atuando irregularmente porque a sua inscrição na entidade expirou. “Ele [ dentista] não está com a inscrição ativa no Conselho desde o mês de janeiro e, por isso, não deveria estar atuando”, pontuou o coordenador. Alves disse ainda que o Conselho Regional vai apurar o caso.


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

75.1%
23.5%
1.3%