08/06/2018 às 15h42min - Atualizada em 08/06/2018 às 15h42min

Governador Pedro Taques recebe e presta homenagem a policiais de Canarana após resgate de bebê enterrada viva

Cinco policiais militares e dois civis de Canarana receberam menção honrosa pelo trabalho. Bebê enterrada viva está internada na UTI neonatal de hospital em Cuiabá.

G1 MT
Araguaia Notícia
Cinco policiais militares que ajudaram no resgate do bebê indígena da etnia Kamayurá que foi enterrada viva, na terça-feira (5), em Canarana, a 838 km de Cuiabá, foram recebidos pelo governador Pedro Taques (PSDB), no Palácio Paiaguás, sede do governo de Mato Grosso, e foram homenageados pela ação.

Foram homenageados o major João Paulo Bezerra do Nascimento, os sargentos Edson Fernando Poll e Adenilto Santos Oliveira e os soldados Jabes Raoni Sturm Aroca e Henrique Galvão Ataídes. Segundo o governo, a menção honrosa vai constar na ficha funcional dos servidores e pode contar pontos na progressão de carreira.

A bisavó do bebê, até então apontada como responsável pelo enterro, está presa desde quarta-feira (6). À polícia, ela disse que achou que a criança estivesse morta e que, por isso, a enterrou.

A mãe da criança, de 15 anos, sentiu contrações e deu à luz no banheiro da casa. O bebê teria batido a cabeça no chão e não teve reação após o nascimento, segundo a família.

A menina está internada desde quarta-feira na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) neonatal da Santa Casa de Misericórdia de Cuiabá.

Heróis

Heróis






Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.2%
24.5%
1.4%