04/06/2018 às 07h24min - Atualizada em 04/06/2018 às 07h24min

Agente penitenciário comete suicídio usando arma de colega de trabalho

Mais um suicídio é registrado na região desta feita na cidade de Iporá onde um homem de 43 anos deu fim a própria vida. Ela deixa esposa e uma filha

Oeste Goiano
Araguaia Notícia
Um fato muito triste aconteceu na cidade de Iporá no estado de Goiás. O agente penitenciário, Dinazir Portilho Dourado, de 43 anos, cometeu suicídio quando estava no serviço por volta das 15h30 de domingo (3/6) ao efetuar um disparo na cabeça.

De acordo com a polícia, ele usou uma arma de uma colega de trabalho. Dinazir deixa esposa e uma filha. Ele era natural de Piranhas, Goiás, e estava residindo em Iporá, para trabalho conforme contrato com o sistema prisional.

Seu corpo foi submetido a exame cadavérico e, em seguida, transladado para Piranhas, sua cidade natal, onde está sendo velado no Memorial Municipal.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.2%
24.5%
1.4%