12/05/2018 às 08h37min - Atualizada em 12/05/2018 às 08h37min

Vacinação de sábado contra H1N1 em Barra do Garças é destinada a grupo de riscos

Ministério da Saúde mandou somente 15 mil das 25 mil doses solicitadas; a Secretaria de Saúde já pediu mais

Ronaldo Couto
Araguaia Notícia
Ronaldo Couto / Araguaia Notícia
Começou bem cedinho, neste sábado (12/5), a movimentação nas unidades de saúde Barra do Garças com o dia de vacinação contra a gripe influenza, a H1N1. Foram disponibilizadas 15 mil doses que foram divididas em torno de duzentas doses para cada unidade de saúde do município.

Estão sendo vacinados os grupos de riscos com prioridade para crianças até 5 anos, idosos, professores, policiais e agentes penitenciários (porque trabalham em lugares fechados com grande aglomeração) e portadores de doenças crônicas. A secretária de Saúde Daniela Cortes está acompanhando todo o trabalho desde as primeiras horas.

Ela informou que o número de vacinas necessário para atender a contendo o grupo de risco em Barra do Garças seria de 25 mil todavia o Ministério da Saúde mandou somente 15 mil. “Nós já solicitamos que enviado mais lotes de vacinas e explicamos que a cidade de Barra do Garças fica numa região de divisa e com muita gente em transito”, destacou a secretária.

Daniela explicou que as diretrizes sobre vacinar somente grupos de risco e a quantidade de vacinas são estipulados pelo Ministério da Saúde. As filas são grandes nos postos de saúde e pelo jeito a vacinação deve terminar antes mesmo do meio-dia.

A cidade de Barra do Garças não teve nenhum caso registrado de gripe influenza neste ano e os casos suspeitos continuam sendo monitorados.
 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

75.1%
23.6%
1.3%