10/05/2018 às 22h56min - Atualizada em 10/05/2018 às 22h56min

Homem que queria fazer sexo com menor de 14 anos é preso em Aragarças pela Polícia Civil

Ele mandava mensagens mostrando uma arma de brinquedo com intuito de amedrontar a adolescente. A garota avisou a mãe e o suspeito foi preso

Araguaia Notícia
Mais um brilhante serviço da Polícia Civil sob comando do delegado Ricardo Galvão na região de Aragarças, na quinta-feira (10/5). O suspeito mandava mensagens ameaçando de morte caso não fizesse sexo com ele
 
Em cumprimento a mandado de busca e apreensão domiciliar, a Polícia Civil de Goiás prendeu em flagrante delito L.A. S. 23 anos, pelo crime de posse de munição de uso restrito e permitido (.44 e .380) e dois simulacros (armas de brinquedo).
 
De acordo com a polícia, a mãe da vítima de 14 anos registrou boletim de ocorrência informando que o suspeito mandava mensagens através de aplicativos sociais a sua filha, menor de 14 anos, para intimidá-la a manter com ele relação sexual.
 
A menor mesmo com medo não cedeu aos caprichos ardilosos do suspeito e avisou a mãe. Para tal fim, ele utilizava-se de fotos e exibições de simulacro idêntico a arma de fogo, mencionando que mataria a vítima e seus familiares caso eles não se encontrassem o mais rápido possível.
 
O delegado Ricardo Galvão mencionou que numa das mensagens, o acusado mostrou fotos de munições para a vítima e disse : “uma é pra você e outra para sua mãe”.
 
Em outra oportunidade, o suspeito afirmou “fiquei sabendo que você e sua mãe falou que a arma era de brinquedo”, em seguida, o suspeito encaminhou fotos da arma de fogo dizendo que eram verdadeiras.
 
O delegado informou que a menor ficou amedrontada e chegou a faltar vários dias de aula em razão das ameaças sofridas.


 
 
 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.1%
4.7%
17.0%
77.2%