26/03/2018 às 22h54min - Atualizada em 26/03/2018 às 22h54min

Agente prisional é ameaçado por 3 homens num carro em Aragarças

A PM entrou em ação na expectativa de achar um veículo branco com 3 homens que fizeram ameaças a um agente penitenciário em Aragarças. Veja mais detalhes a seguir.

Araguaia Notícia
Um agente prisional, que estava saindo do serviço para casa, foi ameaçado por volta das 19h30 de segunda-feira (26/3) por três homens num veículo cor branca provavelmente um Gol.

O agente informou que estava indo embora quando o veículo praticamente cruzou na frente dele. A vítima conta que viu uma arma com motorista e que outro integrante do carro ficou apontando o dedo para o agente a todo instante. Temendo, temendo que fosse atingindo por algum disparo, o servidor voltou imediatamente para cadeia e pediu ajuda dos colegas.



A Polícia Militar (PM) de Aragarças foi acionada e entrou em ação com apoio da PM de Barra do Garças fazendo diligências no setor da cadeia na tentativa de achar o veículo branco.  

O agente prisional disse que ficou receoso de acontecer alguma coisa porque ele foi o primeiro agente abordado por criminosos durante o resgate do detento Jhonatan Granja Lopes, que aconteceu dia 19/3.

Na época, quatro homens num veículo Gol branco fizeram o resgate do detento considerado o ‘02’ (segundo mais importante) integrante da facção criminosa Comando Vermelho que estaria atuando dentro da cadeia de Aragarças. Todavia, as autoridades não admitem a existência desta facção criminosa na unidade prisional aragarcense.

Em Cuiabá, no final de semana, 135 detentos foram transferidos da capital para o interior por estarem ligados a uma facção criminosa que estava tentando mandar dentro da Penitenciária Central do Estado (PCE). Cem presidiários foram para Água Boa e 35 para cidade de Juína com medida de segurança.

No início do mês, a Polícia Civil realizou a operação 10º mandamento em Barra do Garças que cumpriu 51 mandados de prisão contra integrantes de facções que agiam em Mato Grosso, Goiás e Paraná cujo líder comandava o grupo do presídio de Catanduva no Paraná.

No dia 23/3, foi a vez da Polícia Civil goiana realizar uma operação na cadeia de Aragarças denominada Operação Aliança cujo alvo seria a participação da facção Comando Vermelho agindo dentro e fora da cadeia aragarcense. Foram presas quatro pessoas e uma arma de fogo durante essa operação coordenada pelo delegado Ricardo Galvão. 
Notícias Relacionadas »
Comentários »