06/03/2018 às 17h09min - Atualizada em 06/03/2018 às 17h09min

Autoridades fazem vistoria nas pontes do Anel Viário de Barra do Garças

Prefeito Beto, senadores Wellington e Medeiros acompanharam junto com a direção geral do DNIT o andamento das obras

Secom - BG
Araguaia Notícia
Ao fundo na imagem a nova ponte sobre o rio Araguaia. Foto: Edevilson Arneiro
Uma comitiva formada pela direção nacional e superintendência regional do DNIT, representantes da empresa Sanches Tripoloni, Senador Wellington Fagundes e José Medeiros, Prefeito Roberto Farias, vice-prefeito Weliton marcos e vereadores de Barra do Garças e Pontal do Araguaia vistoriaram as obras das pontes sobre os rios Garças e Araguaia na manhã desta terça-feira (6). 

Inicialmente as autoridades deslocaram até o rio Garças, onde a pontes está 90% concluída e já ligando uma margem a outra, são 168 metros de comprimento e 16 m de largura, em seguida seguiram para o rio Araguaia, onde está prevista para a conclusão entre abril e maio da ponte, são 240m de comprimento e 16 m de largura. 

Até janeiro deste ano foram gastos R$ 40 milhões e a previsão até a conclusão é de que o investimento chegue a 65,1 milhões. A luta pelo construção do anel Viário ocorre desde 2003, quando foi cancelada a obra passando para o Estado, mas a obra só andou a partir de 2017 quando foi inclusa no PAC e no projeto Avançar. 

Enquanto a visita era feita os funcionários da empresa continuaram trabalhando nas obras, o engenheiro Paulo leitão citou que 80% da mão de obra utilizada é da região, “São pessoas de Barra do garças, Pontal do Araguaia e Aragarças ou das cidades próximas, que passaram por treinamento e capacitação, apenas uma pequena parte teve que vir de fora por não ter especialistas, ou seja, está cumprindo um importante papel também na geração d emprego para a região”, disse. 

Foi confirmado a licitação do trecho de Goiás, ligando o rio Araguaia até a BR-158, (passando a 6 km de Aragarças), seguindo pela 158 até próximo do trevo onde terá uma interseção para a BR-070.  Outro projeto incluso são as obras de drenagem para conter as inundações no Jardim Nova Barra, com 1500 metros de drenagem para resolver definitivamente o problema. 

Também estiveram na visita representantes do 58º BIMTz, Polícia Rodoviária Federal, Corpo de Bombeiros e o Deputado estadual Baiano Filho.
Notícias Relacionadas »
Comentários »