25/02/2018 às 23h17min - Atualizada em 25/02/2018 às 23h17min

Suspeito de abusar da enteada de 11 anos em Goiás é preso em Vila Rica

Assessoria / PJC - MT
Araguaia Notícia
Ação conjunta das Polícias Civis de Mato Grosso e Goiás prendem em Vila Rica padrasto suspeito de estupro da enteada de 11 anos.

O crime ocorreu em março de 2017 em Aparecida de Goiânia e o suspeito Simonidio Fagundes Silva fugiu da cidade e estava atualmente morando com parentes em Vila Rica.

De acordo com a Polícia Civil de Mato Grosso, uma equipe da Delegacia de Proteção a Criança e Adolescente (DPCA) de Aparecida de Goiânia-GO, entrou em contato com a Delegacia de Confresa que passou a informação à Delegacia de Vila Rica onde possivelmente o suspeito estaria residindo.

Equipes da Delegacia de Vila Rica localizaram o suspeito e passaram a acompanhar sua movimentação e perceberam que ele estava em uma Cerâmica que pertence a seus parentes.

Na tarde de sexta-feira, 24 de fevereiro, durante a abordagem o suspeito tentou se identificar com outro nome, mas foi identificado e conduzido a Delegacia de Polícia onde foi dado cumprimento ao Mandado de Prisão Preventiva expedido pela Vara Criminal de Aparecida de Goiânia.

O bárbaro crime foi descoberto quando a mãe da criança encontrou no banheiro de sua casa um preservativo contendo sémen e sujo de sangue, tendo a criança confirmado ter sido abusada pelo padrasto.

No momento da prisão os policiais apreenderam com o suspeito material erótico, creme lubrificante e dois vibradores.

Simonidio Fagundes Silva permanece preso e será recambiado para o Estado de Goiás.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.4%
5.3%
18.2%
75.2%