25/02/2018 às 11h07min - Atualizada em 25/02/2018 às 11h07min

Nova Xavatina realizou 31º Encontro de Pioneiros da Marcha para Oeste

Este movimento ajudou na criação de cidades como Nova Xavantina e teve início com a Expedição Roncador Xingú, chefiada pelo Coronel Flaviano de Matos Vanique.

Ezio Garcia / NX1 - Agua Boa News
Araguaia Notícia
Aconteceu, 24/2, nas dependências do Salão de Festas da Santuário de Nossa Senhora das Graças, em Nova Xavantina, o 31º Encontro de Pioneiros da Marcha para o Oeste, seus descendentes, parentes e amigos, evento que se repete todos os anos, desde que o ex-vereador João Bosco do Nascimento (presente no encontro), oficializou, em 1987,  o dia 28 de fevereiro como sendo o Dia dos Pioneiros,  através de lei municipal aprovada pela Câmara e sancionada pelo Poder Executivo Muncipal.

HISTÓRIA

Reverenciados como os fundadores não só da cidade de Nova Xavantina mas de toda a região, já que a Expedição Roncador Xingú, chefiada pelo Coronel Flaviano de Matos Vanique, após chegar no dia 28 de fevereiro de 1.944 no famoso pau d'óleo -árvore que era localizada na atual Av. Marechal Rondon, hoje uma praça comemorativa ao fato- e se estabelecer fundando o vilarejo que hoje se chama Nova Xavantina, seguiu até o Xingú, sob o comando os irmãos Orlando e Cláudio Villas Boas, fundando vilas e cidades no seu trajeto, inclusive abrindo a picada da atual BR-158, que serve e corta toda a região.

Sempre realizada pela Associação dos Pioneiros da Marcha para o Oeste (APMPO), agora sob a presidencia da Srª Neide Martins de Freitas, o evento reune anualmente pioneiros, seus descendentes, parentes e amigos que trabalharam na empreitada histórica e de interesse nacional da marcha para o oeste, cujo pai, criador e incentivador foi o presidente Getúlio Vargas, que queria mudar a capital do País do Rio de Janeiro´para o Centro Oeste, para ocupar o interior brasileiro ante a possiblidade de invasão de alemães e japoneses durante a segunda guerra mundial, que corria em curso. 

TRADIÇÃO

Como acontece todos os anos, o encontro é prestigiado tanto pelo poder público local, como por empresários e comerciantes, que contribuem com doações para a realização do evento, e nele comparecem com suas famílias, para passar o dia em contato com a narrativa de fatos e acontecimentos reais  que se passaram no início da formação da comunidade.

Neste 31º Encontro, estiveram presentes e formaram a mesa de autoridades o prefeito João Batista Vaz da Silva, o Cebola, sua esposa, Primeira Dama Edna Volf, vice presidente da Câmara, vereador Paulo César Trindade, membros da diretoria da APMPO -Neide Martins de Freitas, Raimundo Pereira dos Santos e Salomão Gomes, além de Elton Sales,orador da juventude católica do município, e da filha de pioneiros Aílma Maria, residente em Goiânia.

Em sua fala, o prefeito Cebola exaltou e chamou para compor mesa o ex-vereador João Bosco Nascimento, o Bosquinho, criador da lei que comemora a data, filho da terra e do expedicionário Virgílio Nascimento; a primeira pessoa nascida no município. Quebrando o protocolo, Bosquinho falou depois do prefeito, saudando a data e o evento.

AMIZADE

Uma das características marcantes do encontro é que nele comparecem famílias de pioneiros e seus descedentes, parentes e amigos, que estão residindo em outras cidades e outros Estados, cuja história se desenvolveu em Nova Xavantina, mantendo viva a lembrança e o afeto pela obra realizada e pela região.

Entre abraços e cumprimentos, reencontros e revivências, refrescando a memória e avivando afetos ao contemplar as diversas fotos de pioneiros e descedentes que já nos deixaram e outros que estão vivos, todas legendadas identificando a pessoa em banners espalhados por todo o salão; o dia é marcado pelo fortalecimento dos laços de amizade, companheirismo e solidariedade, que celebram um pacto de vida de um projeto de âmbito nacional, de lutas e dificuldades vencidas, patrióticas, como os soldados e soldadas de um antigo batalhão, que se encontram muitos anos após para comemorar batalhas e lutas vencidas.

Um dos descendentes de pioneiros, o advogado Dr. Robison Pereira de Lima, filho de Luís Pelego e irmão do cantor sertanejo Djalma Lima, tocou o Hino Nacional na viola, um dos momentos marcantes da cerimônia de abertura deste 31º Encontro.

Seguiu-se o almoço farto e suculento servido aos presentes e a tarde dançante, ao som de Jonas Cantor e sua equipe. Estão de parabéns todos os envolvidos. Veja fotos do evento deste sábado dos Pioneiros da Marcha para o Oeste em Nova Xavantina.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.4%
5.3%
18.0%
75.3%