18/02/2018 às 17h27min - Atualizada em 18/02/2018 às 17h27min

Ataque cardíaco tira vida de jovem de 27 anos

Araguaia Notícia


Foi sepultado no final da tarde de sábado (17/2) no cemitério Jardim da Saudade em Goiânia, o jovem Ygor Rafael dos Santos, 27 anos. Ele teve um ataque cardíaco fulminante na sexta-feira de manhã quando era atendido numa Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Goiânia.

O jovem estava reclamando de dores no peito e foi internado na noite de sexta-feira. De manhã ele recebeu a visita da mãe e até conversou pedindo comida. Por volta das 10h30, ele começou a reclamar da falta de ar e dizendo que havia um pigarro na garganta. O nível de oxigênio baixou rapidamente e os médicos disseram que se tratava de um infarto. Começou uma luta para salvar a vida de Ygor com massagens cardíacas e até entubado ele foi mas de nada adiantou.
 
Os pais contaram ainda que o filho tinha procurado atendimento médico na semana passada ao reclamar de dores no peito e estava fazendo um tratamento médico, porém não imaginavam que o desfecho seria tão triste assim. Ygor era filho único do casal Lázaro Gomes e Regina Esteves, que trabalharam por muitos anos na empresa Viação Xavante em Vila Rica-MT e atualmente residem em Goiânia.

 “Meu filho estava frequentando igreja e fazendo novas amizades. Nós estávamos tão feliz com isso, porém a vontade de Deus muitas das vezes não é a mesma da gente. Que Deus o tenha em um bom lugar”, comentou Lázaro, que é encarregado da empresa Aguatur no Rodoviária de Campinas.

Ygor como qualquer jovem teve uma vida movimentada onde trabalhou com os pais na rodoviária e na adolescência gravou músicas de rap. Agora ficou apenas saudade. Os pais agradeceram a presença de familiares e colegas no velório do Ygor que foi realizado no salão da Funerária Paz Universal, na avenida Castelo Branco, em Goiânia.

Compareceram também ao velório, os diretores da empresa Aguatur e colegas da igreja Deus é Amor do pastor Junior onde Ygor frequentava nos últimos meses.

Os médicos pediram a permissão da família para fazer uma autopsia detalhada para apurar a causa do ataque cardíaco cujo resultado será conhecido dentro de seis meses. Trata-se de um assunto interessante para ser debatido porque aumentou consideravelmente o número de infartos no Brasil nos últimos anos em função talvez de uma vida sedentária com maus hábitos alimentares. Comidas gordurosas e com excesso de sal e açúcar ingredientes que afetam diretamente o coração.

Em dezembro, aqui em Barra do Garças, teve um jovem de 20 anos que faleceu também de infarto. Assunto que deve estar em pauta nas políticas sobre saúde coletiva. 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.4%
5.3%
18.2%
75.2%