17/02/2018 às 16h03min - Atualizada em 17/02/2018 às 16h03min

Bispo mais famoso de Mato Grosso, Dom Pedro Casaldáliga, comemora 90 anos com missa em Ação de Graças

Repórter Vanessa Lima, do site e jornal O Repórter do Araguaia, teve o prazer de falar sobre a história de Dom Pedro para os convidados da festa. Padres e autoridades políticas de vários lugares do Brasil participaram da missa histórica

Vanessa Lima / O Repórter do Araguaia / Rádio Eldorado FM
Araguaia Notícia
Rafael Trindade/Eldorado.fm
Cerca de 600 pessoas participaram da missa de Ação de Graças ao bispo emérito de São Félix do Araguaia Dom Pedro Casaldáliga que completou 90 anos nesta sexta-feira, 16, no Centro Comunitário Tia Irene, ao lado do bispo Adriano Ciocca e todos os agentes de pastoral da Prelazia, reuniu também sacerdotes e fiéis, onde foi celebrada a uma Eucaristia de Ação de Graças pela presença e o testemunho que este bispo, poeta e profeta, ofereceu ao Mato Grosso, ao Brasil e ao mundo.  Padres de várias partes do Estado estiveram prestigiando o momento.

Antes do início da celebração, dom Adriano agradeceu a todos os presentes. Em seguida falou da importância da vida e presença de dom Pedro Casaldáliga para São Félix do Araguaia e região, pois graças à intervenção de Dom Pedro que se estabeleceram na região algumas faculdades de cursos universitários e sobretudo, a presença dele e da Prelazia na área se qualificou, no tempo da ditadura militar, como uma presença corajosa, profética, denunciando o descaso do governo para com as populações autóctones (os indígenas), denunciando o trabalho escravo e a situação de falta de segurança e de condições dos ribeirinhos”.

Em um clima de festa e muita alegria, a comunidade católica acompanhou Santa Missa em Ação de Graças celebrada em agradecimento a Deus pela passagem desta data especial. Amado pelos fieis, Dom Pedro Casaldaliga nasceu na Catalunha, Espanha, no dia 16 de fevereiro de 1928. Chegado ao nosso país em 1968 como missionário, Paulo VI o nomeou em 1971 como primeiro bispo da Prelazia de São Félix do Araguaia, no Mato Grosso, naquela época uma região com um alto grau de analfabetismo, marginalização social e latifúndios, o que significava pobreza e injustiça para muitos e privilégios para poucos.

Dom Pedro significa trabalho, luta e esperança, possível sem o carinho, o amor e o acolhimento do povo. Ao longo desses noventa anos, e principalmente os queridos antepassados de muitos, que já não estão mais aqui, acolheram Dom Pedro e não só com um abraço, um bom dia, com uma comida partilhada, mas principalmente abriram o seu coração para receberem ele anunciando o Evangelho de Jesus Cristo. Dom Pedro Casaldáliga exerce na humanidade uma influência muito forte e marcante. Ele é tão atual que parece ser do nosso tempo, lembrando que a fraternidade é uma das marcas principais dele.  Ele apresenta para nós um indicativo, Jesus Cristo, que é o centro da nossa vida cristã. O Cacique Damião que com muita tranqüilidade, emocionou e arrancou aplausos do povo.

Ao ser parabenizado por Dom Adriano, que falou das lutas, esperança e coragem de Dom Pedro Casaldáliga, afirmando que o melhor presente que a igreja pode lhe dar é lutar com mais coragem pelos mais necessitados. “Foi também graças à intervenção de Dom Pedro que se estabeleceram na região algumas faculdades de cursos universitários e, sobretudo, a presença dele e da Prelazia na área se qualificou, no tempo da ditadura militar, como uma presença corajosa, profética, denunciando o descaso do governo para com as populações autóctones (os indígenas), denunciando o trabalho escravo e a situação de falta de segurança e de condições dos ribeirinhos”.

Entre as autoridades, falou a prefeita Janailza Taveira Leite, que parabenizou Dom Pedro Casaldáliga pelos 90 anos de vida. “A celebração da missa é um momento grandioso, um ato de fé e de interseção a Nossa Senhora. É um momento de muita alegria poder celebrar os 90 anos de Dom Pedro Casaldáliga com esta missa em Ação de Graças, pedindo a Deus que nos ilumine e nos dê força para fazermos uma administração para todos da melhor maneira possível, enfrentando os desafios e superando as dificuldades”, ressaltou Janailza Taveira.

O Presidente do Legislativo, Antonio Augusto Miranda falou em nome de todos os vereadores do município, lhe desejando muitos anos de vida. “Foi uma honra poder falar em um evento de magnitude, que é a comemoração de 90 anos de Dom Pedro Casaldáliga”, disse o vereador Antonio Miranda.

De acordo com Maria José Souza Moraes, advogada da Prelazia de São Félix do Araguaia, que trabalha em defesa de direitos humanos na região, foi uma celebração tão bela e tão bem preparada, conduzida com perfeição, e entoou uma canção no final celebração para Dom Pedro, foi um momento de muita emoção.

Dom Pedro Casaldáliga, fonte de minha inspiração e meu padrinho, que um dia disse a ele que iria iniciar um jornal impresso em São Félix do Araguaia, mas que estaria em dúvida quanto a aceitação, ele disse: “Nunca duvide antes de começar, primeiro tenha coragem e faça um trabalho voltado ao nosso povo, que com certeza jamais dará errado, tenha a minha benção e Creia em Jesus Cristo”, palavras de Dom Pedro Casaldáliga a mim, Vanessa Lima.

Dom Pedro recebeu várias homenagens, recordações boas e ruins, As pessoas valorizam Dom Pedro, querem bênçãos. Como o povo gosta de receber a benção de Dom Pedro! Dom Pedro dedicou a sua vida ajudar as pessoas, sempre ensinou a todos a lutar, ter coragem, esperança, amor e fé em Jesus Cristo.

No final da celebração, como um gesto carinhoso e amor, todos cantaram o parabéns com direito ao bolo e muitos abraços da população presente, foi um momento lindo, emocionante e importante ao nosso querido Dom Pedro.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.3%
5.3%
18.3%
75.1%