Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90
05/12/2017 às 17h51min - Atualizada em 05/12/2017 às 17h51min

Gestantes de Aragarças são atendidas pelo projeto Menina Mãe do prefeito José Elias

Araguaia Notícia
Larissa Forgerini / Secom-ARAG


O projeto “Menina Mãe” foi criado em Aragarças (GO), no ano de 2011, sob a iniciativa da então primeira dama, Mara Ney com apoio do prefeito José Elias em função do número de jovens mamães que estavam surgindo na cidade. A ideia surgiu a partir do relato de que uma jovem, em trabalho de parto, havia dado entrada no Hospital Municipal Getúlio Vargas, em condições precárias de higiene e saúde.

Nesse sentido, o projeto objetiva oferecer assistência básica às gestantes que residem em Aragarças. Nos encontros, as futuras mamães recebem orientações sobre a gestação, importância do pré-natal, parto, pós-parto, alimentação, importância da amamentação, cuidados com os bebês, etc. Além disso, como forma de economia e distração, elas aprendem a confeccionar parte do enxoval.

Todo trabalho é realizado sobre a orientação de profissionais dos respectivos assuntos a serem tratados, o que inclui enfermeiros, psicólogos, agentes de saúde, nutricionistas, assistentes sociais, médicos e educadores físicos.

“O projeto é de fundamental importância porque essas gestantes estão adquirindo autonomia com relação ao assunto, e dessa forma, melhorando a sua qualidade de vida e saúde. Oferecendo esses recursos subjetivos e o auxílio prático necessário, elas podem realizar de forma harmônica e responsável a tarefa de ser mãe”, enfatizou a Primeira Dama e autora do projeto, Mara Ney.

Vanessa Rezende, grávida de seis meses, afirma que o projeto foi um divisor de águas em sua vida: “aqui a gente se diverte, interage, troca informações e conhecimento. Eu não me sinto tão só como me sentia, porque posso compartilhar com as outras grávidas esse momento tão especial e de tantas mudanças em nossas vidas”.

O incentivo e o acesso à informação que as participantes recebem, influenciará no entendimento de seus deveres e direitos, e isso acarretará em uma forma correta de cuidar dos seus filhos, desde o nascimento. As gestantes que ainda não estão participando, ainda podem se inscrever, basta procurar o CRAS, na Rua Francisco Albuquerque Milhomem, nº 503, na Vila Ceará.
 
 
Entre no grupo do Araguaia Notícia no WhatsApp e receba notícias em tempo real  CLIQUE AQUI
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90