14/02/2013 às 12h07min - Atualizada em 14/02/2013 às 12h07min

Aposentada é arrastada para mato durante caminhada perto da UFMT

Olhar Direto
Olhar Direto

A aposentada Manoela Maria de Jesus, 73 anos, viveu momento de aflição na manhã de quarta-feira (13) quando foi assaltada em Pontal do Araguaia, divisa de Mato Grosso e Goiás. Ela estava caminhando, por volta das 7 horas da manhã, na rodovia MT 100 que liga Pontal a UFMT quando um homem lhe abordou e arrastou-a para meio do mato.

A dona de casa gritou por socorro e pediu pelo amor de Deus para o elemento não lhe machucar. O bandido tomou duas correntes e um anel de ouro. Depois ele empurrou a vítima no chão e pediu para ela ficar deitado enquanto ele fugia. Passados dois minutos, Manoela se levantou e procurou ajuda.

A aposentada traumatizada foi conduzida pela Polícia Militar (PM) através dos cabos Leonardo e Vivaldo até a delegacia onde foi registrado o roubo. A vítima descreveu o autor do assalto como um homem pardo, estatura mediana e trajava bermuda branca.

O assalto aconteceu na MT 100 até a UFMT de Pontal que é muito utilizada para caminhadas. A vítima disse que está com medo e dificilmente voltará a usar a pista para fazer exercício. O cabo Leonardo informou que esse não é o primeiro caso que acontece nessa pista e pediu às pessoas que ajudem a polícia a pegar esse bandido que sempre age aproveitando que as pessoas vão caminhar sozinhas nesse local para furtar pequenos objetos.

O militar recomendou que as pessoas procurem caminhar na companhia de um parente ou amigo para evitar novos assaltos.  


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

75.1%
23.6%
1.3%