19/10/2017 às 20h23min - Atualizada em 19/10/2017 às 20h23min

Soldados e oficiais são incentivados a leitura no Exército

Ronaldo Couto / Araguaia Notícia
58º Bimtz


Uma notícia interessante e diferente na região de Barra do Garças. Quem imagina ver os soldados nos batalhões somente fazendo treinando e cuidando das armas certamente ficará espantando ao ver essa foto com integrantes do Exército praticando leitura.

Todos sabem que a leitura transforma e evolui as pessoas. E pensando nisso, desde o segundo semestre deste ano, o 58º Batalhão de Infantaria Motorizado (Bimtz) Sentinela do Araguaia estabeleceu um programa de Leitura para os oficiais, subtenentes, sargentos, cabos e soldados.

Os militares recebem sugestões de obras literárias para que possam aprender mais e depois são convidados a participar de um simpósio onde os aspectos e reflexões, de cada obra, serão apresentados e debatidos.

 As obras envolvem temas civis e militares entre clássicos da literatura mundial. Livros que estão sendo lidos neste sementes no Exército de Aragarças: Napoleão e o Brasil, de Donatello Grieco; A Grande Transição, de Rafael Poch-de-Felfu; 1930, o Furacão veio do Sul, de Alyer Lintz Geraldo; Violência e Pacificação no Caribe; Homens e Mulheres na Guerra do Paraguai; Guerra Antiga; Combinação das Armas; A Paz Territorial; Osorio e A Retirada da Laguna.

A leitura transforma as pessoas tornando-as mais preparadas para vida. Parabéns ao comandante Gilvan essa noticia é muito interessante e serve de estímulo para civis e militares copiarem este exemplo.
 
 
 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.1%
4.7%
17.6%
76.6%