19/10/2017 às 06h44min - Atualizada em 19/10/2017 às 06h44min

Polícia prende padastro que cortou pescoço de enteados

Juina News
Com parecer favorável do Ministério Público Estadual, o juiz de direito Vagner Dupim Dias, da comarca de Juína, no Mato Grosso, decretou a prisão preventiva de Jazonias Araújo da Silva, 56, acusado de matar e degolar o enteado dele Cristian Marques da Silva, de 17 anos, e de tentar contra a vida do irmão dele de 15 anos que é especial.

O mandado de prisão saiu na noite desta terça-feira, dia 17, e foi representado pelo delegado de polícia José Carlos Damian, após juntar provas e ouvir a confissão de Jazonias. O assassino foi preso em uma ação da Polícia Militar de Juína e Juara na manhã de hoje numa lanchonete no Rio do Sangue na Rodovia do Vale.

Trazido a Juína, ele confessou com riqueza de detalhes a autoria do crime em alguns momentos ele foi frio e calculista. Disse que agiu num momento de “desespero”, após ter brigado por telefone com a esposa, que estava em Cuiabá acompanhando o irmão dela que fazia tratamento. Primeiro ele atacou Cristian com um facão e o degolou depois o adolescente especial que dormia no mesmo quarto com ele.

Acreditando que teria assassinado os irmãos, ele deixou a arma em cima da cama e fugiu de bicicleta.

O menor que sobreviveu foi socorrido por outro irmão dele Danilo Marques da Silva, e levado a UPA 24 horas. Após cometer os crimes, o agressor enviou mensagens de áudio através do aplicativo whatsApp para a mãe dos meninos falando que algo tinha acontecido com as vítimas.

A família acredita que os crimes foram cometidos antes da meia noite de domingo, dia 15, e não na madrugada de segunda-feira.

Jazonias foi ouvido pela polícia e depois passou por exame de corpo de delito será comunicado do mandado de prisão e levado ao CDP do município.

O crime causou revolta e perplexidade na cidade de Juína pela maneira em que ele foi consumado.

O menor que sofreu ao ataque do padrasto sofreu um corte no pescoço e cabeça. Ele permanece internado, mas está fora de perigo.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.1%
4.6%
16.9%
77.3%