19/09/2017 às 18h25min - Atualizada em 19/09/2017 às 18h25min

Policial civil de Barra do Garças morre com aneurisma cerebral

Ela tinha se aposentado em maio de 2015 e em função de um aneurisma cerebral estava se tratando em Goiânia.

Ronaldo Couto / Araguaia Notícia
A corporação da Polícia Judiciária Civil de Barra do Garças está de luto. Faleceu por volta das 14 horas de terça-feira em Goiânia, a policial civilaosentada Yeda Dias Ribeiro Fante. Ela estava internada com problema de saúde decorrente de um aneurisma cerebral.

Yeda estava tinha 60 anos que completou no mês de maio passado. Ela se aposentou em maio de 2015 depois de cumprir 26 anos de trabalha na Polícia Civil.

Uma agente exemplar e sempre dedicada ao trabalho, Yeda atuou por mais de 15 anos na delegacia municipal (hoje 1ª DP) e também na delegacia especializada da Defesa da Mulher. Ela ingressou na carreira policial em fevereiro de 1989.

O corpo está sendo preparado para ser transladado de Goiânia para Barra do Garças onde será velado na Casa de Velório. A notícia sobre a morte de Yeda deixou consternado vários policiais de Barra do Garças que conheciam a policial aposentada. O delegado regional Adilson Gonçalves deixou os profundos sentimentos de pesares à família e disse que a corporação está prestando apoio neste momento tão difícil para parentes e amigos.

Yeda era natural de Piranhas-GO e deixa esposo e dois filhos: Cristiano (Piracema) e Sheila.
 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

75.1%
23.6%
1.3%