12/09/2017 às 21h43min - Atualizada em 12/09/2017 às 21h43min

Operário morre após sofrer choque elétrico enquanto limpava caixa d'água de escola, em Goiânia

G1 GO
Um operário de 22 anos morreu nesta segunda-feira (11) enquanto fazia a limpeza da caixa d'água da Escola Princípios, no Setor Sudoeste, em Goiânia. Segundo o Corpo de Bombeiros, Valdiego Lucas de Souza Silva, de 22 anos, sofreu um choque elétrico no momento em que realizava o serviço.

A vítima trabalhava havia três anos na empresa Amil Desentupimento e Dedetização. Semestralmente, ela ia até a escola para realizar o trabalho. O colega de trabalho de Valdiego, Valdeíres da Silva Aragão, de 31 anos, ficou ferido. Ele foi levado para o Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo). O estado de saúde dele é considerado regular.

A Polícia Técnico-Científica esteve no local. De acordo com o advogado da escola, Lucas Fernandes, a informação é que o servidor acabou sendo eletrocutado com um aparelho que ele mesmo utilizava.

"O que foi detectado é que ele usava uma bomba d'água para a retirada da água da caixa. Esse equipamento estaria com os fios desencapados, provocando o curto circuito", disse ao G1.

Procurado pelo G1, o diretor da Amil, Augusto Lima, disse que só vai comentar a questão após o resultado da perícia.

Na escola, estudam alunos da educação infantil e fundamental. Por conta do incidente, as aulas foram suspensas nesta segunda-feira.

O caso deve ser investigado pelo 20º DP.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

75.1%
23.6%
1.3%