23/08/2017 às 16h11min - Atualizada em 23/08/2017 às 16h11min

Jacaré morre queimado num dos maiores incêndios do Parque Araguaia em Mato Grosso

Cerca de 7 mil hectares já foram destruídos com incêndio. Os bombeiros tentam o impossível que é controlar e desviar o incêndio para não prejudicar mais ainda fauna e flora

G1 MT
Assessoria / Corpo de Bombeiros-MT
Os bombeiros encontraram um jacaré morto na segunda-feira (21) na área destruída pelo fogo, no Parque Estadual do Araguaia, em Novo Santo Antônio, a 1.063 km de Cuiabá. O Corpo de Bombeiros informou que até a manhã desta terça-feira (22) aproximadamente 7 mil hectares do parque tinham sido atingidos pelas chamas. O incêndio foi identificado na sexta-feira (18).

O fogo está se espalhando rapidamente por causa do vento forte e da alta temperatura. "A transposição do fogo ocorreu principalmente pelos fortes ventos, alta temperatura, e grande quantidade de massa combustível", informou o Corpo de Bombeiros.

Na região sul do parque, o incêndio foi praticamente extinto por equipes que atuam de avião e via terrestre.

Conforme o Corpo de Bombeiros, nesta terça-feira as equipes do Batalhão de Emergências Ambientais (BEA), carros, caminhões e outros equipamentos necessários para a operação serão transportados de balsas pelo Rio das Mortes.

O parque

O Parque Estadual do Araguaia é uma das maiores unidades de conservação de Mato Grosso, com 230 mil hectares, conforme dados da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT). A reserva fica no município de Novo Santo Antônio e tem vegetação predominante composta de cerrado.

Devido ao encontro entre os rios Araguaia e das Mortes, formando o ‘Pantanal do Araguaia’, que durante o período de chuvas permanece meses alagado, as águas servem de berçário a diversas espécies de animais, entre elas, o peixe pirarucu, que está em extinção.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.3%
24.3%
1.4%