19/08/2017 às 07h00min - Atualizada em 19/08/2017 às 07h00min

Ministro visita Barra do Garças e entrega kits de irrigação para agricultura familiar de 15 prefeituras

Blairo Maggi foi recepcionado pelo prefeito Roberto Farias e lideranças da região do Vale do Araguaia

Francis Amorim / RDNews
Edevílson Arneiro / Secom-BG
O ministro da Agricultura Blairo Maggi (PP) entregou sexta (18/8), em Barra do Garças, kits de irrigações para 15 prefeituras do Vale do Araguaia. A entrega aconteceu durante o Encontro Regional Agricultura, realizado na cidade pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), que reuniu prefeitos, vereadores, lideranças políticas e do agronegócio da região.

Acompanhado pelos secretários do ministério, Eumar Novack (Executivo) e Nery Geller (Políticas Agrícolas) e pelo prefeito de Barra do Garças, Roberto Farias (PMDB), Blairo assinou convênios com 15 municípios para a entrega de 50 kits que vão auxiliar a agricultura familiar a ampliar a produção regional. Além disso, prometeu auxílio do Ministério da Agricultura para a ampliação da cadeira produtiva no Vale do Araguaia.

O ministro fez questão de destacar a realização dos encontros, que já percorreram as regiões Norte e Sul do país. Segundo eles, a iniciativa busca ouvir o segmento produtivo, as dificuldades e encontrar caminhos que possam mudar a realidade em que vivem. “Estou aqui para mais ouvir do que falar e dizer o que a gente pode fazer para facilitar a vida do produtor rural", enfatizou.

Blairo  fez uma longa explanação sobre a sua atuação no Mapa desde que assumiu a pasta, onde, segundo ele, tem autonomia total para decidir a política agrícola no país. “O presidente Michel Temer nos deu carta branca para que pudéssemos fazer as mudanças necessárias, principalmente, desburocratizar as ações do ministério e atender a classe produtora. Mais de 700 medidas já foram tomadas neste período com esse objetivo”, disse.

“A pasta que comando é importante para esse segmento e nós temos a obrigação de regular a qualidade dos alimentos, desde a carne, cerveja, cachaça, e desta forma, trabalhar para que a agricultura cresça, por meio dos financiamentos, planos safras e esses encontros têm o objetivo de fomentar a produção em todo o país”, disse Blairo, ressaltando que tem procurado mais ouvir do que falar nos eventos realizados.

O governador Pedro Taques (PSDB) havia confirmado presença, mas não compareceu ao evento. 

Esquecidos

Blairo lembrou também sua passagem pelo Governo do Estado e sua missão de transformar o Araguaia, conhecido como "Vale dos Esquecidos" em vale da mudança e da esperança. "A região recebeu grandes investimentos no passado, mas muitos projetos fracassaram", disse, apontando para os projetos financiados pela antiga Sudam e da extinta Coopercana, cooperativa que ajudou na colonização da região, mas, com o processo de falência, causou muitos prejuízos aos produtores associados.

Ao encerrar o evento, o ministro abriu a palavra para prefeitos e produtores para que eles pudessem expor os problemas, dificuldades no setor agrícola, ouvir sugestões, cobranças e prometeu buscar alternativas para que o Vale do Araguaia possa aumentar sua produção agrícola.

Prefeitos e representantes de 30 municípios participaram do encontro e elogiaram o empenho de Blairo Maggi em apoiar as causas de Mato Grosso. O prefeito de Nova Xavantina, João Batista Vaz, o Cebola, por exemplo, atribuiu ao ministro a reabertura do frigorifico Marfrig, que está gerando 800 empregos diretos no município.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.3%
24.3%
1.4%