15/08/2017 às 17h34min - Atualizada em 15/08/2017 às 17h34min

Criminosos que executaram jovens ainda não foram identificados; PJC investiga o duplo homicídio.

Agência da Notícia
A Polícia Civil do município de Confresa ainda não conseguiu identificar quem seriam os suspeitos de executarem dos rapazes na última sexta-feira, (11), no bairro Vila Nova, em Confresa. As vítimas foram mortas com tiros de pistola.

Conforme informações do delegado responsável pelas investigações, André Rigonato, ainda estão sendo apurado os fatos, uma vez que os suspeitos não foram identificados. “ Já instaurei inquérito para apurar esse duplo homicídio que tudo indica ser execução, agora estamos levantando informações” disse Rigonato.

André Guimarães da Silva, 26 anos, foi morto com vários disparos e durante o crime teria tentando se esconder debaixo de uma cama, mas foi localizado pelos criminosos e morto. 

André possuía inúmeras passagens pela polícia e a menos de dez dias havia sido vítima de uma tentativa de homicídio.

Já a segunda vítima identificada como Alessandro foi morto no quintal da residência onde os rapazes estavam conversando.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.2%
24.4%
1.4%