13/08/2017 às 14h17min - Atualizada em 13/08/2017 às 15h17min

900 alunos assistem aula de redação durante caravana em Barra do Garças

O Governo do Estado criou o MT Enem que virou uma febre entre os jovens que estão se preparando para exame nacional no final do ano e claro para os concursos também

Olhar Direto
Considerada por alguns como evento destinado a idosos e até enfermos, a Caravana da Transformação passa a atrair cada vez mais jovens e adolescentes bastante saudáveis por conta de um trabalho que surgiu quase como ‘conversa de corredor’: a aula preparatória para a temida prova de Redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), principal porta de entrada das universidades públicas.
 
A aula de Redação pegou com tamanha potência que atraiu mais de 700 alunos na ediçaõ de Alta Floresta da Caravana da Transformação e, depois, quase 900, na semana passada, em Barra do Garças. A reportagem do Olhar Direto apurou que até mesmo o governador Pedro Taques (PSDB) ficou fascinado como  volume de jovens que acorreu à Caravana da Transformação, para assistirem à aula de Redação.

E o responsável por atrair os jovens é um velho conhecido dos antigos cursinhos pré-vestibulares de Mato Grosso: professor Sérgio Cintra. Ele faz um trabalho voluntário de suma importância, notadamente para estudantes que se sentem intimidados quando o assunto é a Redação.
 
Todavia, antes teve de convencer  o governador José Pedro Taques (PSDB) e o secretário de Governo, José Arlindo Oliveira, coordenador da Caravana, quanto á viabilidade do projeto.  “A aula é simples, direta e objetiva. Quem prestar atenção aprende mesmo e tem condições de tirar uma nota razoável, talvez acima de 600, na prova de Redação”, observou Sérgio Cintra, com a experiência de quase quatro décadas em sala de aula, ministrando diferentes disciplinas, mas sempre ligado á língua portuguesa, literatura e redação.
 
Sérgio Cintra é diretor do Núcleo Social da Assembleia Legislativa de Mato Grosso e contribuiu para a implatanção de  diversos cursinhos, entre os quais os extintos Cuaiabá Vest e MT Vest.
 
EAD e Presenciais 
 
Na sua paixão por ensino, Sérgio Cintra contribuiu para a criação e implantação do MT Enem, vinculado à Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Seciteci). E, também, para a Parceria Privada Pró Enem (Proppem), executado pela Secretaria de Estado de Educação.
 
No MT Enem são mais de três mil alunos no ensino à distância e 1,35 mil no presencial, distribuídos em nove polos. A Seciteci implantou dois polos no Cristo Rei, em Várzea Grande; três polos no CPA-I (Morada da Serra) e CPA-III, na região Norte de Cuiabá; dois polos na Escola Estadual Presidente Médici, um na Escola Cesário Neto e um no bairro Boa Esperança.

De forma a facilitar o entendimento, o MT Enem trás aulas específicas para o concurso, com destaque para a Redação, com didática muito mais simplificada. Quando o aluno efetua a matrícula, já recebe a camiseta e a apostila do MT Enem, de forma que, se form em Cuiabá, tem direito ao passe livre estudantil e, em Várzea Grande, à meia passagem.
 
Sérgio Cintra explicou que há um trabalho conjunto, articulado pelo secretário Marco Aurélio Marrafon, titular da Seduc, com o deputado Doutor Leonardo Albuquerque (PSD), para fomentar o Proppem  e atende cerca de 600 estudantes, em Cáceres. Praticamente todos são vestibulandos da Univerisade de Mato Grosso (Unemat).
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.1%
24.5%
1.4%