Araguaia Notícia  Publicidade 728x90
06/01/2013 às 10h44min - Atualizada em 06/01/2013 às 10h44min

Prefeitura cria abrigos para moradores despejados de Suiá Missu

Olhar Direto
Agência da Notícia

Com o fim do prazo de desocupação do Posto da Mata, a 1.064 km de Cuiabá, a prefeitura de Alto Boa Vista decidiu criar um abrigo em duas escolas para alojar as famílias despejadas da Suiá Missu. A expectativa é grande para esse sábado (5) porque os produtores continuam correndo contra o tempo para salvar pequenos animais (porcos, galinhas, carneiros), mobílias e material de construção.

A imagem de uma igreja destelhada mostra o cenário pesaroso que a região vive. Diversas foram desmontadas com os produtores carregando telhas, tijolos e até mesmo madeiramento para diminuir o prejuízo. Muitas das famílias moram neste local há mais de trinta anos. .

A prefeitura colocou caminhões a disposição da comunidade para transportar os móveis e animais pequenos até os abrigos que foram montados nas escolas Betel e João Resende de Azevedo.

No final da tarde de sexta-feira, já tinham sido cadastradas 60 famílias. Esse número deve aumentar, consideravelmente, a partir deste sábado com o fim do prazo. O Exército e a Força Nacional acompanham a distância toda desocupação.

Vários produtores choram diante da situação, mas alguns já conformados estão juntando as coisas para deixar o Posto da Mata, conhecido como distrito Estrela do Araguaia. A área de 164 mil hectares foi considerada área indígena Marãiwatsédé dos índios xavantes criada em 1998 por decreto presidencial.

Os oficiais de Justiça Federal alertaram que os produtores que se recusarem a saíram a partir deste sábado terão os bens confiscados e serão processados pelo crime de desobediência a uma ordem judicial. De acordo com a Associação dos Produtores Rurais de Suiá Missu, os agricultores e pecuaristas do distrito são os mais prejudicados. Com relação ao gado, a informação que mais de 90% já foi retirado da área.

O prefeito de Alto Boa Vista, Leuzipe Domingues (PMDB), informou que vai liderar um movimento dos prefeitos do Norte Araguaia para cobrar do governo federal, estadual e da bancada de deputados uma área para colocar os agricultores expulsos da Suiá-Missu. 

Araguaia Notícia  Publicidade 790x90


Entre no grupo do Araguaia Notícia no WhatsApp e receba notícias em tempo real  CLIQUE AQUI
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90