05/07/2017 às 18h08min - Atualizada em 05/07/2017 às 18h08min

Estudante é esfaqueado em frente a escola pública

Midia News
Assessoria de Comunicação - Seduc-MT
A Polícia Militar deteve, nesta quarta-feira (5), dois estudantes acusados de esfaquear um outro aluno em um ponto de ônibus em frente à Escola Estadual Presidente Médici, na Avenida Mato Grosso, no bairro Araés, em Cuiabá.
 
Os estudantes tentaram se esconder dentro da unidade de ensino e quase foram agredidos por outros colegas.
 
Os envolvidos no caso não tiveram a idade e a identidade reveladas.
 
Segundo informações do 10º Batalhão da Polícia Militar, a guarnição foi informada da agressão às 12h35, quando os alunos são liberados da aula. Ao chegarem no local, os policiais encontraram a vítima com uma lesão nas costas, na frente da escola.
 
Os socorristas do Serviço de Atendimento Móvel Urbano (Samu) atenderam o aluno ferido, que foi encaminhado para o Pronto-Socorro Municipal. Ele não corre risco de morrer.
 
Os dois suspeitos fugiram para o interior da escola. Os outros estudantes da unidade tentaram agredir a dupla, mas foram impedidos pelos PMs.
 
Os alunos foram detidos e encaminhados para a Central de Flagrantes, onde foi registrado um boletim de ocorrência.
 
Após a ocorrência, a Secretaria de Estado de Educação, Esporte e Lazer (Seduc) enviou uma nota de esclarecimento lamentando o episódio e que prestará assistência à vítima.
 
A Pasta informou ainda que tem programas de combate ao bullying e à violência na escola.
 
Confira a nota na íntegra:
 
"A Secretaria de Estado de Educação, Esporte e Lazer lamenta o episódio e espera a apuração policial para tomar as devidas providências no âmbito educacional. A Seduc informa que a diretoria da escola prestou a primeira assistência à vítima, acionando o Samu e avisando os pais - e a secretaria está acompanhando de perto o desenrolar do caso.
 
A Seduc informa ainda que possui e apoia programas para aumentar a segurança e combater o bullying e outros tipos de violência dentro das escolas, mas reitera que o caso reflete o atual estado de degradação da sociedade."
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.6%
5.5%
17.6%
75.2%