Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90
Araguaia Notícia  Publicidade 728x90
01/01/2013 às 12h28min - Atualizada em 01/01/2013 às 12h28min

Moradores do Posto da Mata tem até dia 04 para deixarem o local

Agencia da Notícia
PC News

O Oficial de Justiça acompanhado de Policiais está visitando as casas dos moradores do Distrito Estrela do Araguaia, comunicando pela última vez que o prazo final para deixarem as casas se encerra no dia 04 de janeiro de 2013. De acordo com informações da própria Polícia quem não obedecer a Ordem Judicial vai perder os bens, além de responder criminalmente por desobediência. Moradores afirmam que quem não sair está correndo o risco inclusive de ir preso, podendo pegar 2 anos de cadeia em regime fechado.

Nesta segunda-feira último dia do ano de 2012, o que se vê no Posto da Mata é uma cidade sendo destruida pelas mãos das próprias pessoas que a construiram. Diversos caminhões saem do Posto da Mata com os mais variados destinos, sendo Alto Boa Vista, Confresa, Barra do Garças e Bom Jesus do Araguaia nesta última cidade os moradores afirmam que o prefeito doou alguns lotes para os moradores retirantes da Suiá Missu. Porém se por um lado muitos moradores estão retirando o que podem, outros afirmam que não vão deixar o local, como é o caso da vereadora Irmã Irene. "Eu não vou sair, não tenho para onde ir, a FUNAI, o Governo não me oferecem nenhum lugar digno, eu tenho meus direitos e eles precisam ser respeitados, eu naõ vou jogar 21 anos de trabalho fora desse jeito arbitrario como a Justiça esta fazendo", disse a Irma Irene que tem um hotel no Posto da Mata. A Polícia também deu ordem de que o estabelecimento comercial dela deixe de funcionar ainda hoje(31)

A desintrusão do Posto da Mata começou neste domingo, sob forte ação da Polícia que chegou por volta das 06:00 hs da manhã no Distrito, gás lacriogênio foi usado para dispersar a população, o Posto de Combustivel que antes abrigava os manifestantes que são contra a desintrusão agora está servido de base para a Operação de desintrusão.

Policiais também disseram que a operação de desintrusão no Distrito foi adiantada depois que manifestantes atearam fogo em um caminhão da FUNASA que estava carregado com alimento que de acordo com a FUNAI seria levado para uma Aldeia Indigena. Os alimentos foram recupados pelos policias.

A baixo a matéria em vídeo sobre a operação de desintrusão que começou neste domingo no Posto da Mata. 

Araguaia Notícia  Publicidade 790x90


Entre no grupo do Araguaia Notícia no WhatsApp e receba notícias em tempo real  CLIQUE AQUI
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90