05/06/2017 às 22h52min - Atualizada em 05/06/2017 às 22h52min

Pedreiro desaparece no dia do aniversário em Nova Crixás; pai de Barra do Garças pede ajudá para localizá-lo

Ele foi levado por dois homens se dizendo que eram policiais; só que o pedreiro sumiu já faz 4 dias

Araguaia Notícia
O pedreiro Marinho Rodrigues dos Santos Neves, 30 anos, está desaparecido a quatro dias na cidade de Nova Crixás-GO. Após sair do serviço, ele pegou a esposa e foi para uma pescaria – no final da tarde de sexta-feira (2/6), onde apareceram dois homens se dizendo serem policiais e o levaram para cidade dizendo que o delegado queria falar com ele com urgência.

Marinho, que estava comemorando o aniversário deixou a esposa praticamente na beira do rio, e acompanhou os homens. Ele pediu a companheira que entrasse em contato com advogado e depois disso o pedreiro não foi mais visto pela família. O pai de Marinho, José Mauro Neves Nunes 49 anos, é proprietário de um sítio atrás do aterro sanitário de Barra do Garças e a mãe dona Izenir Rodrigues dos Santos, conhecida como Neguinha, que hoje reside em Goiânia.

José Mauro entrou em contato a redação do site Araguaia Notícia e pedindo apoio na divulgação do sumiço de Marinho e pedindo apoio das autoridades para achá-lo. “Eu não sei quem pegou o meu filho, mas pedimos pelo amor para que ele seja encontrado com vida”, disse o pai bastante emocionado.

No Facebook, o advogado de Marinho, Magnun dos Santos, compartilhou uma foto do pedreiro desaparecido e pediu ajuda da comunidade.“Estive em todo distrito policial aqui de Nova Crixás e da região e não consegui localizar o meu cliente. A esposa dele me informou que os homens que levaram Marinho eram baixos e gordos e estavam num Gol, mas não soube precisar a cor do carro”, explica o advogado na nota.

Jose Mauro está preocupado que alguma coisa séria pode ter acontecido com o filho. O sitiante de Barra do Garças lembrou que no passado o filho chegou a ser encaminhado para delegacia acusado de furtar uma caixote com armas de um fazendeiro da comunidade chamada Landi na beira do rio Araguaia, todavia esse fato não se confirmou.

Quem tiver informações sobre o paradeiro do pedreiro Marinho pode ligar no telefone: 66 9 9906 4214
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

75.1%
23.6%
1.3%