Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90
11/05/2017 às 06h25min - Atualizada em 11/05/2017 às 06h25min

UFMT recebe TJ para discutir projeto Araguaia Cidadã

Assessoria
A reitora da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), professora Myrian Serra, recebeu na segunda-feira (08), em seu gabinete, o coordenador do projeto “Araguaia Cidadã”, o juiz José Antônio Bezerra Filho, do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), para articulação de parcerias. A reitora visualizou a oportunidade para conferir visibilidade à Instituição e partilhar vivências e saberes com os municípios que serão atendidos. 

O projeto tem início previsto para o mês de julho e tem como base a prestação de serviços comunitários, como nos moldes da iniciativa existente “Ribeirinho Cidadão”, desenvolvido pelo TJMT há dez anos.

“Encaminharemos uma agenda para que possamos trabalhar da melhor forma. A UFMT está muito satisfeita com o convite e reitera o interesse em participar, estendendo as mãos às comunidades que serão atendidas. Verificaremos, juntamente com a comunidade universitária do Câmpus do Araguaia, as propostas e soluções nesse processo de contribuição, assim como reforçamos a importância do diálogo com diversos setores da sociedade”, afirmou a reitora.

Por sua vez, o juiz destacou que a UFMT é referência em ensino, pesquisa e extensão aplicadas a diversas áreas do conhecimento. “Estamos contentes em estabelecer esta parceria, visto que a Universidade conta com profissionais e conhecimentos. Com certeza, estabeleceremos uma grande parceria, no sentido de agregar valores e fazer a diferença aos cidadãos daquela região”, comentou. 

O defensor público Munir Arfox, um dos principais parceiros do “Ribeirinho Cidadão”, ressaltou o trabalho de suporte às comunidades carentes. “Com a tradição e expertise da UFMT, se torna um grande aprendizado para todos os envolvidos”, observou.

Estiveram presentes o secretário de Articulação e Relações Institucionais da UFMT, Fabrício Carvalho, a coordenadora de Extensão, Sandra Jung de Mattos, as assessoras do projeto “Justiça Comunitária” do TJMT, Aurineide Pereira Santos da Silva e Bárbara Tambossi Vareiro, além do assessor de planejamento do mesmo órgão, Lincoln Monteiro.

Araguaia Notícia  Publicidade 790x90


Entre no grupo do Araguaia Notícia no WhatsApp e receba notícias em tempo real  CLIQUE AQUI
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90