Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90
03/05/2017 às 07h57min - Atualizada em 03/05/2017 às 07h57min

Na UTI, tenente-coronel passará por novas cirurgias; médicos descartam paralisia

Olhar Direto
O tenente-coronel Wilckerson Adriano Cavalcante, do Corpo de Bombeiros, permanece internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital na cidade de Primavera do Leste (244 km de Cuiabá),para onde foi levado após o acidente da última segunda-feira (01), a 70 quilômetros do município. Ele teve diversas fraturas e precisará passar por novas cirurgias, mas não corre o risco de perder os movimentos dos membros. A esposa do militar, que estava com ele, também se feriu, mas sem gravidade.

Leia mais:
Tenente-coronel do Corpo de Bombeiros sofre grave acidente com moto e será transferido para UTI
 
“O coronel estava retornando de Barra do Garças, depois do almoço, quando aconteceu o fato. Ele foi atendido pela unidade de resgate do Corpo de Bombeiros e também do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). O acidente foi sério, o estado dele é delicado, mas estava consciente. No primeiro instante foi conduzido para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Primavera do Leste, teve o primeiro atendimento e depois foi transferido para um hospital da própria cidade”, disse o comandante do Corpo de Bombeiros, coronel Alessandro Borges.
 
Conforme as informações, o tenente-coronel está estabilizado: “Foi feito tudo que era possível no momento para diminuir o risco de morte. Obviamente que precisará de um período de recuperação para que o corpo reaja ao acidente. Agora é o tempo que vai dizer sobre a recuperação. O estado está dando todo o suporte. Tenho a certeza que ele logo estará de volta”, acrescenta o comandante.
 
Segundo o que apurou o Olhar Direto, o militar teve seis costelas quebradas, perfurou dois pulmões, fraturou a bacia e o braço, além de ter uma hemorragia interna. O coronel será transferido para Cuiabá quando tiver condições. Também está descartada paralisia dos membros: “Fizeram todos os testes, até com o neurologista, conseguiu mexer a perna e até a própria bacia. Terá de passar por outras cirurgias, está descartado que ele fique paraplégico”, finaliza o comandante.
 
O caso
 
O tenente-coronel Wilckerson Adriano Cavalcante, do Corpo de Bombeiros, sofreu um acidente de moto, na tarde desta segunda-feira (01), a 70 quilômetros de Primavera do Leste (244 km de Cuiabá). Ele teve diversas fraturas e passará por cirurgia ainda hoje. A esposa do militar, que estava com ele, também se feriu.

Araguaia Notícia  Publicidade 790x90


Entre no grupo do Araguaia Notícia no WhatsApp e receba notícias em tempo real  CLIQUE AQUI
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90